Domingo, 18 de Fevereiro de 2018

Surto

Capital registra em média 20 casos de catapora por dia

13 OUT 2010Por Silvia Tada02h:45



Nos últimos 15 dias de setembro, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) registrou 312 novos casos de catapora, média de 20,8 por dia. Com isso, o número total de casos no mês passado chegou a 680 e, no ano todo, a 2.270 vítimas da varicela. O alerta para o surto da doença, principalmente entre crianças, continua entre as autoridades, já que em 2008, o mês com maior número de casos foi outubro, com 803 notificações.
Neste ano, o mês com maior incidência da doença foi agosto, com 754 registros. As 2,2 mil pessoas que contraíram a doença de janeiro a setembro já representam 50,2% a mais do que o verificado em todo ano de 2009, quando houve 1.511.

Doença
A catapora é uma infecção viral aguda e altamente contagiosa, caracterizada por surgimento de “bolhas”, que depois tornam-se “feridas” na pele do paciente, em um período de 3 a 4 dias, segundo informações do Ministério da Saúde. A vítima, em geral, tem febre. “Em crianças, geralmente, é uma doença benigna e autolimitada. Em adolescentes e adultos, em geral, o quadro clínico é mais exuberante”, explicam os técnicos da pasta.
A transmissão é feita de pessoa a pessoa, por meio de contato direto ou de secreções respiratórias e, raramente, pelo contato com lesões de pele. O período de incubação é de 14 a 16 dias após o contato e a transmissibilidade varia de 1 a 2 dias antes da erupção até 5 dias após o surgimento do primeiro grupo de vesículas.
Há vacina, mas não é oferecida no Calendário Nacional de Vacinação. Em casos de surtos em escolas ou centros de educação infantis, a Sesau pode ser comunicada para providenciar a imunização. Pacientes imunodeprimidos também podem ser vacinados contra a patologia.

Leia Também