Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ELEIÇÕES 2014

Campos quer 'aposentar raposas que assaltam'

Campos quer 'aposentar raposas que assaltam'
03/03/2014 15:30 - FOLHAPRESS


No segundo dia de seu périplo carnavalesco pelo interior de Pernambuco para apresentar os candidatos da chapa governista no Estado, o governador Eduardo Campos (PSB), pré-candidato à Presidência, disse hoje que o povo quer "aposentar um bocado de raposas que está assaltando o sonho" dos brasileiros.

Sem citar nomes nem partidos, Campos fez críticas ao governo federal e à "velha política" durante visita a um associação de mulheres em Nazaré da Mata, a 70 km do Recife.

"O Brasil não quer mais ver aquele pacto político velho, mofado, carcomido do interesse da população. O Brasil deseja a renovação da política, deseja aposentar um bocado de raposa que hoje está assaltando o sonho do povo brasileiro, está barrando as mudanças que todos nós ajudamos a ver na cena brasileira", afirmou pela manhã.

De domingo até terça-feira, Campos deve percorrer nove municípios pernambucanos para apresentar seu pré-candidato ao governo de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), o vice dele, Raul Henry (PMDB), e o ex-ministro da Integração, Fernando Bezerra, que disputará o Senado.

Em Nazaré da Mata, o governador ressaltou o currículo de servidor público de Câmara e pediu que as pessoas saiam às ruas para pedir votos para a "Frente Popular", como a chapa governista de Pernambuco é conhecida.

Campos disse que voltará ao município no próximo sábado. De acordo com Fernando Bezerra, as viagens do grupo pelo interior continuam após o Carnaval. 

Felpuda


As definições no que se relaciona aos nomes para a disputa eleitoral vêm ocorrendo aqui e acolá. Pré-candidato que sonha comandar cidade o interior poderá deixar de ver o seu sonho realizado. É que o dito-cujo terá de enfrentar as lembranças de rumoroso caso que se tornou escândalo depois da denúncia de uma servidora. Há quem garanta que é só a campanha começar para a história ser contada capítulo por capítulo. Afe!