Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

MAIS FORTE DO MUNDO

Campo-grandense volta dos EUA com quatro medalhas

15 DEZ 2010Por Eduardo Miranda e Jackson Pereira04h:00

A campo-grandense Cris Rejane mais uma vez brilhou no Campeonato Mundial de Luta de Braço e conquistou quatro medalhas para o Brasil. A competição foi disputada em Las Vegas, nos Estados Unidos, e terminou no último domingo.

Na categoria master, a atleta ficou com o primeiro lugar nos braços esquerdo e direito; já na sênior, levou o bronze também nos dois braços. "Peguei uma série muito difícil, com outras 17 atletas no master, mas mesmo assim me saí bem", comemorou Cris Rejane, que retornou ontem dos Estados Unidos, com as quatro medalhas no peito.

Em Las Vegas, Cris conseguiu manter os títulos da categoria master, e ainda chegar aos inéditos terceiros lugares na sênior. As medalhas de Cris Rejane, e títulos como os de Thiago Ferreira, no master até 90 kg, braço direito, e Consuelo Almeida, no júnior até 65 kg, braço direito, deram ao Brasil, o segundo lugar geral na competição. "Agora é treinar para fazer bonito no ano que vem, no Cazaquistão", disse Rejane.

Emídio Júnior, que também preside a Federação de Luta de Braço de Mato Grosso do Sul, foi o 19º na competição para homens de mais de 100 kg competindo com o braço esquerdo, e 23º, competindo com o braço direito..

Além de Cris Rejane e Emídio Júnior, Mato Grosso do Sul teve outros dois atletas na competição disputada em Las Vegas: Sônia Carvalho que terminou em sexto lugar no braço direito, até 60 kg em 11º com o braço esquerdo, ambos na categoria master; e Carlos Alves que também ficou em 11º, no braço esquerdo, até 60 kg, e 14º, na mesma categoria competindo com o braço direito.

No ano que vem, o Mundial de Luta de Braço será disputado no Cazaquistão, em 2012, a competição com os melhores do mundo acontece no Brasil, em São Paulo (SP).


 

Leia Também