Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

IGUAL AO TÊNIS

Campeonato Inglês de futebol vai usar juiz eletrônico

Campeonato Inglês de futebol vai usar juiz eletrônico
14/03/2011 20:09 - uol


O Campeonato Inglês de futebol vai começar a testar o mesmo sistema eletrônico utilizado no tênis para começar a apurar lances duvidosos a partir da temporada 2011/12.

Segundo as agências de notícias internacionais, o "Hawk-Eye" (olho de falcão) será analisado durante os principais confrontos da competição nacional, mas os dados não serão públicos.

A decisão acontece após a Fifa permitir mais um ano de testes tecnológicos para ajudar a arbitragem.

"Temos que encontrar um estádio para realizar os testes", afirmou o criador do dispositivo, Paul Hawkins, para a agência "Associated Press".

Nas partidas de tênis, câmeras são espalhadas por toda a quadra justamente para disponibilizar todos os dados possíveis e criar uma imagem real segundos após o lance. O tênis usa o dispositivo há cerca de cinco anos.

Em junho deste ano, o presidente da Fifa, Joseph Blatter, afirmou que haverá mudanças na arbitragem.

"O objetivo é claro: em 2014, só árbitros profissionais apitarão na Copa do Mundo. É uma obrigação. Os treinadores e jogadores são profissionais. Não há razão para que os árbitros não o sejam", disse o mandatário.

Depois da Copa, Blatter chegou a pedir desculpas por erros dos juízes e admitiu que a entidade vai analisar novas tecnologias.

"É óbvio que, após as experiências até agora na Copa, seria um absurdo não voltar a falar sobre o uso da tecnologia na arbitragem dos jogos", disse Blatter, em pronunciamento oficial à imprensa.

"Lamento e fico angustiado quando vejo erros dos árbitros tão evidentes. Manifesto publicamente o meu pedido de desculpas aos prejudicados", declarou o presidente da Fifa, em junho de 2010.

Felpuda


Tudo indica que o MDB não conseguiu convencer o PSDB de iniciar namoro com vistas a casamento nas eleições, e a ideia teria sido descartada. Os tucanos demonstraram que o problema deles não é o cargo: os emedebistas ofereceram a vaga de vice na disputa à Prefeitura de Campo Grande, a mesma cobiçada pelos tucanos, mas na chapa do PSD do atual prefeito. A questão, politicamente falando, seria, digamos, o oferecido “noivo”. Afe!