Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Atualização

Campanha de vacinação termina hoje

24 AGO 12 - 07h:12AGÊNCIA BRASIL

Cerca de 34 mil postos de saúde em todo o país abrem hoje (24) para o último dia da campanha de atualização da caderneta de vacinação infantil. Crianças menores de 5 anos devem comparecer a um ponto de imunização para verificar se o esquema vacinal está completo ou se há necessidade de atualização.

De acordo com o último balanço do Ministério da Saúde, mais de 3 milhões de crianças já compareceram aos postos de saúde, mas a expectativa do governo é de que mais de 14 milhões passem pelas unidades de imunização. O objetivo da ação é ampliar a cobertura vacinal e reduzir o risco de transmissão de doenças.

Estão disponíveis todas as vacinas do calendário básico infantil, incluindo a pentavalente e a Vacina Inativada Oral contra a Poliomielite (VOP), lançadas este ano. A primeira reúne em uma única aplicação a tetravalente (que protege contra a difteria, o tétano, a coqueluche e meningite) e a dose contra a hepatite B. Já a VOP é indicada para crianças que nunca foram imunizadas contra a poliomielite.

Durante a campanha, menores de 5 anos que vivem nas regiões Norte e Nordeste, no Vale do Jequitinhonha e no Vale do Mucuri, ambos em Minas Gerais, também vão receber suplemento de vitamina A. A ação faz parte do Programa Brasil Carinhoso, lançado em maio deste ano, que tem como meta a superação da extrema pobreza na primeira infância.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

'Euphoria': Conselho de pais dos EUA pede fim da transmissão da série
HBO

'Euphoria': Conselho de pais dos EUA pede fim da transmissão da série

VIOLAÇÃO DE DIREITOS HUMANOS

ONGs pressionam UE a interromper imediatamente negociações comerciais com Brasil

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta quarta-feira: "Novos ares na economia"

ARTIGO

Odilon de Oliveira: "O caso de Adélio e Bolsonaro"

Juiz federal aposentado

Mais Lidas