Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 15 de novembro de 2018

saúde

Campanha de Multivacinação começa hoje

18 AGO 2012Por notícias ms00h:00

Começa hoje (18) em todo o Brasil a Campanha Nacional de Atualização da Caderneta de Vacinação Infantil (Multivacinação). A mobilização, que vai até o dia 24 de agosto, será realizada em parceria entre o Ministério da Saúde, secretarias estaduais e municipais do país com o objetivo ampliar a cobertura vacinal infantil, tendo como público alvo as crianças menores de cinco anos.

Durante a Campanha, serão introduzidas as vacinas Pentavalente e a Vacina Inativada Poliomelite (VIP), passando a fazer parte do calendário básico da criança. Para Mato Grosso do Sul, foram disponibilizadas 40 mil doses da vacina Pentavalente e mais 40 mil da Vacina Inativada Poliomelite. Crianças menores de cinco anos de idade deverão ser levadas a um posto de vacinação do Sistema Único de Saúde (SUS) para que a caderneta de saúde seja avaliada e o esquema vacinal atualizado, de acordo com a situação encontrada.

Também estarão disponíveis para esta ação todas as vacinas do calendário básico da criança. São elas: BCG, hepatite B, pentavalente, Vacina Inativada Poliomielite (VIP), Vacina Oral Poliomielite (VOP), rotavírus, pneumocócica 10 valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

Em Campo Grande, a abertura da Campanha de Vacinação acontece na Unidade Básica de Saúde da Família - UBSF do bairro Vida Nova, às 8h. De acordo com Secretaria Estadual de Saúde (SES), todas as unidades de saúde dos municípios disponibilizarão as doses das vacinas. A SES ainda reforça que os responsáveis pelas crianças devem comparecer aos postos de saúde portando a Caderneta de Saúde da criança para que ela seja avaliada e o esquema vacinal atualizado de acordo com a necessidade de cada um.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também