Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

DRAMA

Camarote desaba e deixa pessoas feridas em show na Grande Natal

19 JAN 14 - 10h:00g1

O piso do camarote montado para os shows da dupla sertaneja Fernando e Sorocaba e da Banda de Forró Garota Safada cedeu e cerca de 30 pessoas ficaram feridas na madrugada deste domingo (19) na praia de Pirangi, na Grande Natal. Segundo relato de vítimas, chovia no momento do incidente e muitas pessoas se concentraram na parte coberta do camarote. O G1 tentou entrar em contato com a empresa que organizou a festa, mas as ligações não foram atendidas.

A advogada Ellen Cruz estava no camarote e sofreu uma torção no pé. "Era 1h e chovia um pouco. Por isso, as pessoas que estavam no camarote se concentraram na parte coberta. Minha irmã chegou a comentar que o camarote estava balançando muito e pensamos em sair. Mas não deu tempo. Logo em seguida o piso desabou", contou.

Segundo Ellen, houve correria e gritaria no momento do incidente. "Foi uma coisa desesperadora. Todos queriam sair o mais rápido possível dali. Cerca de 30 pessoas caíram e ficaram feridas. Mas pelo que o que soube, ninguém ficou ferido gravemente", frisou.

A empresária Marcela Zauli também estava no camarote, mas não ficou ferida. "Eu e minhas amigas estávamos indo para a parte coberta devido à chuva. Mas havia muita gente e não conseguimos. Acabamos ficando próximas à escada. Minutos depois, tudo desabou. Mesmo com toda a correria, descemos as escadas e ficamos bem. Nossa primeira medida foi tentar ajudar as pessoas que se feriram", falou.

A dupla sertaneja Fernando e Sorocaba já havia se apresentado no palco principal. No momento do desabamento, não havia apresentação no palco principal e a banda 5% se apresentava no camarote. "O pessoal da banda 5% foi super atencioso. Eles pararam o show e pediram socorro. Como não havia mais clima, eles decidiram interromper o show, ajudaram as pessoas e em seguida foram embora".

O Corpo de Bombeiros esteve no local e interditou o camarote. Uma equipe do Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) deve ir ao local ainda neste domingo para periciar o camarote.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Cidades brasileiras participam de mobilização mundial pelo clima

VÍCIO FORMAL

Francischini: vamos tentar retomar na CCJ alguns pontos do pacote anticrime

Homem é morto a tiros ao chegar na casa da namorada
PONTA PORÃ

Homem é morto com 16 tiros na fronteira

MUNDO

Manifestantes em mais de 150 países defendem meio ambiente

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião