NA CAPITAL

Calor castiga ciclistas, mas prova tem bom nível técnico

Calor castiga ciclistas, mas prova tem bom nível técnico
30/08/2010 08:00 -


Arlindo Florentino Com a participação de 72 ciclistas representando Campo Grande e várias cidades do interior do Estado, aconteceu ontem, no circuito da Cidade Universitária, a disputa do GP Cidade Morena de Ciclismo. A pista semiplana com 5.600 metros e o forte calor, exigiram bastante dos corredores, mas mesmo assim o nível técnico foi considerado bastante elevado. Na categoria elite, que reuniu os principais atletas da modalidade, os resultados foram: 1º Márcio Duarte Caetano (Associação Campograndense); 2º Leandro Carvalho (Campo-grandense); 3º Marco Antônio Pereira (Campo-grandense) e 4º Marco Aurélio Cardoso (equipe Alto Giro). Nas demais categorias os vencedores foram: sub-30 – Jonatas Pinto Simões (Associação Modelo Douradense); master A – José Antônio Cardoso (Alto Giro); master B – Alexandre Martins (Alto Giro); master C – José Roberto Massulo (Leandro Bike); feminino – Adriana Farias Lima (Campo-grandense) e juvenil - Luiz Felipe de Morais (Associação Anastaciana).
smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".