Segunda, 11 de Dezembro de 2017

balanço

Caixa vai retirar R$ 420 mi registrado como lucro

11 JAN 2014Por G115h:00

A Caixa Econômica Federal informou por meio de nota que acatou determinação do Banco Central para suspender a prática de registrar como lucro no balanço da instituição o saldo de contas encerradas em razão de supostas irregularidades cadastrais de clientes.

Com a decisão, a Caixa excluirá do balanço R$ 719 milhões contabilizados como receita operacional e que, excluídos tributos, acrescentaram R$ 420 milhões ao lucro líquido da instituição – em 2012, o lucro líquido da Caixa acumulou R$ 6,1 bilhões, cifra 17,1% superior ao resultado do ano anterior.

A informação sobre a operação contábil foi divulgada na edição deste final de semana da revista "IstoÉ", que afirma que a Caixa fez um "confisco secreto" ao encerrar "irregularmente mais de 525 mil contas poupança" e usar o dinheiro "para engordar seu lucro de 2012 em R$ 719 milhões".

Em nota, a Caixa Econômica Federal negou qualquer ação de "confisco".

"Diferentemente do que sugere a matéria da 'IstoÉ', nenhum depositante de caderneta de poupança da Caixa teve qualquer prejuízo com o procedimento adotado. Mesmo com o encerramento das contas, os clientes podem, em qualquer momento, solicitar a retirada dos valores, devidamente corrigidos", diz a nota.

Segundo a "Isto É", a determinação do Banco Central para que a Caixa suspendesse a operação contábil foi motivada por relatório da Controladoria-Geral da União (CGU), que contestou a prática contábil da Caixa.

Leia Também