Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CINEMA GRATUITO

'Caixa Dois' é atração de hoje do CineMIS

'Caixa Dois' é atração de hoje do CineMIS
15/01/2014 08:38 - DA REDAÇÃO


A Fundação de Cultura do governo do Estado, por meio do Museu da Imagem e do Som, exibe hoje (15), pelo Programa CineMIS Especial de Férias, o filme "Caixa Dois". A sessão acontece às 14h, com entrada franca.

Os filmes que serão exibidos no Programa CineMIS Especial de Férias foram doados pela Ancine (Agência Nacional do Cinema) e compõem um panorama abrangente e diversificado da recente produção cinematográfica nacional, possibilitando certa reflexão sobre a identidade brasileira.

Sinopse

 Luiz Fernando (Fúlvio Stefanini) é um banqueiro rico que em uma transação de precatórios consegue um ganho extra de R$ 50 milhões. Como o doleiro que geralmente desconta o cheque e envia os dólares para sua conta em Zurique está em coma, Luiz decide usar sua secretária (Giovana Antonelli) como "laranja". Porém ele se vê em apuros quando Romeiro (Cássio Gabus Mendes), seu funcionário e que levaria inicialmente R$ 2 milhões da transação, coloca um dígito errado ao fazer o depósito. Isto faz com que o dinheiro caia na conta de uma mulher trabalhora e honesta (Zezé Polessa), cujo marido (Daniel Dantas) foi recentemente demitido pelo banco de Luiz Fernando. Ao saber do caso ela se recusa a fazer o estorno, gerando complicações para todos.

Classificação indicativa: 12 anos; Gênero: Drama; Idioma: Português; Duração: 81min; Ano: 2006.

Serviço

O Museu da Imagem e do Som fica no Memorial da Cultura, Avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, 3º andar.

Felpuda


Partido está aos poucos montando a que vem sendo chamada de “chapa do quartel”, pois os pré-candidatos são oriundos da caserna. Há quem diga que os dirigentes da legenda ainda estão querendo pegar carona no “fenômeno Bolsonaro”, esquecendo-se que o presidente, embora vindo da área militar, está na política há 30 anos e o seu programa de governo agradou 57,7 milhões de eleitores. Dizem que tchurminha será obrigada a adicionar mais ingredientes no currículo, senão...