Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

INFRAESTRUTURA

Buracos se espalham em vias novas ou recentemente recapeadas

13 JAN 14 - 00h:00DA REDAÇÃO

Buracos e rachaduras começaram a surgir em trechos de avenidas novas ou recentemente recapeadas em Campo Grande. O problema atinge avenidas que sequer foram inauguradas pela prefeitura, situação da Júlio de Castilhos. Em alguns casos, os buracos surgiram nos remendos deixados no asfalto, após a execução de serviços na rede de água e esgoto.

O motociclista Dorival Alves Correia, de 45 anos, lamenta os dois buracos formados na nova pavimentação da Júlio de Castilho, próximo a Rua João Thomaz, no Bairro Santo Antônio. “É uma pena ver uma avenida recém reformada e já apresentando buracos”.

Para ele, a situação expõe a segurança dos condutores e, principalmente, a dos motociclistas que correm o risco de queda, ao tentar desviar dos buracos.

O frentista Alfredo Peixoto, de 42 anos, conta que os buracos surgiram há pelo menos dois meses, após a execução de serviço na rede de esgoto. “Começou pequeno, mas como não vieram arrumar a cada dia aumenta”, afirma.

Por sua assessoria, a prefeitura informou que o engenheiro responsável pelo setor vai fazer o levantamento do processo de asfaltamento desta vias citadas na reportagem para saber se ainda estão no prazo de garantia, junto às empresas que executaram os serviços.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CORREIO B

'Estou cheia de boleto para pagar', diz Bruna Marquezine sobre publicidade

BRASIL

Fortaleza: Bombeiros buscam sobreviventes em prédio que ruiu; uma pessoa morreu

ECONOMIA

Pan, BMG e Bradesco lideram ranking de reclamações contra bancos do BC

ECONOMIA

Superintendência do Cade decide arquivar inquérito contra bandeiras de cartões

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião