Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Portugal

Bruno César deve assinar com Benfica nesta terça

29 MAR 11 - 13h:28r7

Após ser liberado pela diretoria do Corinthians para negociar sua transferência, o meia Bruno César deve assinar seu contrato com o Benfica nesta terça-feira (29). Após desembarcar em Portugal nesta última segunda (28), o brasileiro já passou pelos exames médicos e aguarda o acerto salarial com o clube luso.

Revelação do Campeonato Brasileiro de 2010, Bruno César deve fechar seu contrato até 2016, de acordo com o jornal local A Bola. Estima-se que o clube pagará 5 milhões de euros, cerca de R$ 11,75 milhões, para contar com o futebol do brasileiro para as próximas temporadas.

Ainda segundo a publicação, o meia já visitou o Estádio da Luz e logo ficou encantado com as condições da arena, onde conheceu alguns dirigentes da equipe. Recentemente, Bruno César revelou sua insatisfação por ficar no banco de reserva do Corinthians, comandado pelo técnico Tite.

Entretanto, o treinador ainda ressaltou que não gostaria de liberar nenhum jogador para o restante da temporada. Em nota oficial, o Corinthians informou que, caso a negociação seja concretizada, Bruno César será liberado ao final desta edição do Campeonato Paulista.

No Benfica, o meio-campista irá jogar ao lado de uma legião de brasileiros, com destaque para o zagueiro Luisão, da seleção brasileira.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Estado avança e chega ao 5º lugar <br>no ranking de competitividade
NACIONAL

MS avança e chega ao 5º lugar no ranking de competitividade

Confira ruas que serão interditadas no fim de semana
CAMPO GRANDE

Confira ruas que serão interditadas no fim de semana

IMPOSTOS DE RENDA

Receita Federal envia cartas a cerca de 330 mil contribuintes

BRASIL

Em crise, grupos do PSL se reúnem para tratar de disputas de poder

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião