Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

SÃO PAULO

Brinquedo é interditado após acidente no Playcenter

4 ABR 11 - 01h:07g1

O brinquedo “Double Shock" foi interditado neste domingo após acidente ocorrido no Playcenter, na Zona Norte de São Paulo. Segundo a assessoria de imprensa do parque, a atração ficará fora de operação até o término da perícia. O acidente deixou 8 feridos, de acordo com o Playcenter. O estado de saúde das vítimas ainda não foi divulgado.

Segundo a Polícia Militar, três pessoas ficaram em estado grave. Sete feridos foram encaminhados ao Hospital Metropolitano. Uma outra vítima foi internada na Santa Casa. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, a paciente é mulher, tem 30 anos, e teve ferimento na cabeça e fratura exposta em uma das pernas.

O acidente ocorreu às 17h40. Testemunhas disseram ao G1 que uma das travas do brinquedo se abriu, provocando a queda de pessoas. Segundo o Playcenter, as causas do incidente ainda estão sendo apuradas. "O equipamento, de fabricação italiana, encontra-se dentro das normas nacionais e internacionais de operação, conta com manutenção diária e foi totalmente reformado em maio de 2010", informou o parque, em nota.

O brinquedo é formado por duas composições que giram, de modo alternado, em sentido horário e anti-horário em velocidade, e chegam a atingir uma altura de 12 metros.

Segundo a assessoria do Playcenter, embora ainda não exista uma previsão da liberação do brinquedo, o parque reabrirá na terça-feira para visitantes.

Em setembro de 2010, um acidente na montanha-russa chamada "Looping Star" deixou 15 feridos no Playcenter. Uma das vítimas passou uma cirurgia para correção de fratura no nariz.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Confira o horóscopo desta segunda-feira
ASTRAL

Confira o horóscopo desta segunda-feira

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta segunda-feira: "Otimismo presente!"

ARTIGO

Gilson Cavalcanti Ricci: "A bela morena de 120 primaveras"

Advogado
OPINIÃO

Wagner Cordeiro Chagas: "O primeiros passos como Capital"

Mestre em História pela UFGD

Mais Lidas