Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CIDADES

Brasileiros são assassinados na fronteira

Brasileiros são assassinados na fronteira
19/07/2010 20:22 -


Os brasileiros Noberto Duarte, 28 anos, e Charles Anderson dos Santos, 20 anos, foram mortos a tiros na noite de sexta-feira na linha internacional entre Ponta Porã e Pedro Juan Caballero. O crime aconteceu quando ambos estavam debaixo de uma barraca, nas proximidades das ruas Dr.  Francia e Bernardino Caballero. Eles estavam sentados em volta de uma fogueira por conta do frio. Após efetuar os disparos, os criminosos fugiram para Ponta Porã.
As vítimas foram identificadas pelos familiares. Os motivos do assassinato ainda não foram esclarecidos pela Polícia Nacional. Noberto foi atingido com oito tiros, e Charles também foi atingido por cinco tiros de uma pistola nove milímetros.
De acordo com guardas noturnos que foram testemunhas do crime, os executores desceram de um carro preto que estava estacionado no lado brasileiro e descarregaram as armas nas duas vítimas.  
O irmão de Charles informou que ele vivia no distrito de Sanga Puitã, a 10 quilômetros de Ponta Porã, e vizinho da localidade paraguaia de Zanga Puita, separados apenas pela MS-156. Fontes policiais indicaram que as mortes dos dois jovens podem estar ligadas a um acerto de contas entre quadrilhas, ação comum na fronteira de Mato Grosso do Sul com o Paraguai. (CF)

Felpuda


Pré-candidato pode estar sendo “fritado” sem ao menos perceber. Redes sociais que têm estreitas ligações com ex-cabecinhas coroadas e que prometeram apoio estão enaltecendo que só certo pré-candidato de outro partido. Quem conhece as ditas figurinhas de, digamos, outros carnavais, acredita que está em curso operação sorrateira para mudar internamente os rumos da futura campanha. Trocando em miúdo: ceder a cabeça de chapa.