Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

RANKING

Brasil é o 38º melhor para fazer negócios

Brasil é o 38º melhor para fazer negócios
23/01/2014 00:00 - Terra


O Brasil acaba de atingir o 38º lugar no ranking de melhores países para se fazer negócios produzido pela Bloomberg. O País que deixou o 61º lugar acompanhou a tendência de alta das posições dos Bric, com exceção da China que deixou o 19º lugar para ocupar a 28ª posição neste ano. A Rússia saltou da 56ª posição para a 44ª e a Índia foi do 54º lugar para 48º.

Hong Kong liderou a lista por conta do baixo custo para se abrir um negócio na região. O Canadá deixou o sexto para atingir o segundo lugar graças à receptividade de seus consumidores medida pelo tamanho de sua classe média, pelo consumo das famílias e do PIB. Os Estados Unidos caíram da segunda para a terceira colocação por conta do aumento dos custo da criação de empregos no país ante outras economias.

Pelo terceiro ano consecutivo, a Bloomberg analisou seis critérios gerais em 157 países. Foram considerados aspectos como grau de integração econômica, o custo de criação de uma empresa, o custo de mão de obra e materiais, o custo de transporte de mercadorias, a inflação e o nível de corrupção.

LISTA DOS 10 PRIMEIROS COLOCADOS
1 – Hong Kong
2 – Canadá
3 – Estados Unidos    
4 – Cingapura
5 – Austrália
6 – Alemanha
7 – Reino Unido
8 – Holanda
9 – Espanha
10 – Suécia

Felpuda


Prefeitura de município do interior de MS recebeu recomendação do Ministério Público do Estado no sentido de exonerar servidores comissionados, livres do cartão de ponto, que são parentes de secretários da administração e de vereadores. O nepotismo se tornou um excelente “negócio” por lá, e se até o dia 6 de agosto as devidas providências não forem tomadas, medidas serão adotadas, como ação por improbidade administrativa. Tem gente que não aprende mesmo, né?