Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

VENDAS DE VEÍCULOS

Brasil cai para 5ª colocação no mundo

15 MAR 2011Por INFOMONEY00h:01

Em janeiro, o Brasil caiu para a quinta colocação no ranking mundial de vendas de veículos, com 229.843 unidades comercializadas. Na comparação com janeiro de 2010, quando foram vendidos 201.353 automóveis no País, a alta foi de 14,1%.

Com esse desempenho, o País, que ocupava a quarta colocação desde agosto do ano passado, cedeu o lugar para a Índia, que encerrou o primeiro mês do ano com aumento de 23,8% nas comercializações. O país estava na sétima colocação ao final de 2010.

Os dados, divulgados ontem, pela Jato Dynamics do Brasil, também mostram que, com o redimensionamento do Brasil no ranking, a Alemanha, que seguia logo atrás do País, caiu para a sexta colocação, apesar do forte aumento de 17,2% nas vendas em janeiro.

Apesar da queda do Brasil no ranking, o desempenho da Índia mostra que o Bric – bloco formado por Brasil, Rússia, Índia e China – já tem presença forte presença no mercado automobilístico. “O ano de 2011 começou com o bloco Bric confirmando sua força e o crescimento sustentável”, disse em nota o diretor superintendente da Jato, Luiz Carlos Augusto.

Os três melhores
A pesquisa aponta que o ranking dos três primeiros continua inalterado, com a China ainda na liderança. Em janeiro, o país registrou aumento de 16,8% na venda de automóveis, para mais de 1,4 milhão de unidades.

Os Estados Unidos seguem na segunda posição da lista, com um desempenho melhor do que o dos chineses: alta de 17,3%. Apesar disso, o número de veículos vendidos não chegou a 1 milhão. O Japão, por sua vez, registrou queda de 16,6% nas vendas. Ainda assim, o número de veículos vendidos manteve o país asiático no terceiro lugar do ranking.

Essa posição, de acordo com o diretor de Vendas de O&M/Concessionárias, João Carlos Rodrigues, pode se alterar, devido aos fortes desastres naturais ocorridos no país na última semana. “Existe no momento a expectativa quanto aos recentes acontecimentos no Japão, pois as montadoras japonesas suspenderam a produção nas fábricas em áreas atingidas pelo terremoto e tsunami”, disse em nota.

Depois da Índia, Brasil e Alemanha, a França, que encerrou 2010 na sexta colocação, caiu para a sétima, com aumento de 8,2% nas comercializações em janeiro. Atrás seguem a Itália, com queda de 19,6%, a Grã-Bretanha, com recuo de 7% nas vendas, e a Rússia, que manteve a décima colocação, apesar da forte alta de 72,1% nas comercializações.

América do Sul
Dos destaques da América do Sul, além do Brasil, a Argentina marcou presença forte. “O crescimento na Argentina está cada vez mais sustentável. É importante mantermos nosso bloco sul-americano com esta tendência de alta”, comentou Augusto. Em janeiro, o país vizinho registrou alta de 31,5% nas vendas, frente a janeiro de 2010, com a comercialização de 99.977 veículos.

Em crescimento, o destaque ficou com o Uruguai. O país registrou alta de 48,4% em janeiro, ao comercializar 1.857 veículos, contra os 1.251 de janeiro do ano passado. O Paraguai registrou o menor crescimento, de 4,9%.

No sentido contrário, Venezuela e Bolívia registraram quedas nas vendas no primeiro mês do ano, de 19,5% e 4,6%, respectivamente.
 

Leia Também