Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

BP mente e vazamento continua

22 JUL 10 - 07h:27
BBC

A petroleira britânica BP admitiu nesta quarta-feira ter adulterado uma imagem divulgada durante o final de semana em seu site que mostrava os trabalhos da empresa para conter o vazamento no Golfo do México, segundo o jornal americano The Washington Post.
A imagem mostra empregados da empresa em frente a algumas telas usadas no monitoramento do vazamento do poço danificado.
Um porta-voz da BP, Scott Dean, admitiu que três das telas estavam desligadas na foto original e foi usado um software de manipulação de imagens, o Photoshop, para modificá-las.
“Normalmente usamos Photoshop apenas para corrigir algumas cores e fazer cortes nas fotos”, disse Dean. “Instruímos nossa equipe de pós-produção a não fazer este tipo de coisa no futuro”, completou.
A imagem adulterada foi substituída pela original após ter sido denunciada pelo blogueiro americano John Aravosis, do site Americablog.com. Ele diz que a foto alterada contém um recorte grosseiro acima da cabeça de um dos trabalhadores e que as imagens do poço inseridas nas telas não estão ajustadas corretamente.
“Suponho que, se você vai falsificar a sua resposta à crise, você pode falsificar também uma foto de seu centro de resposta à crise”, comentou Aravosis.  Um dispositivo colocado sobre o poço na semana passada interrompeu o vazamento pela primeira, desde seu início.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

MS tem 91 imóveis confiscados do tráfico para serem vendidos
GUERRA AO CRIME

MS tem 91 imóveis confiscados do tráfico para serem vendidos

Presidente do Ceasa é sepultado nesta sexta-feira
DA REDAÇÃO

Presidente do Ceasa é sepultado nesta sexta-feira

Polícias estaduais apreendem cerca de uma tonelada de maconha por dia em MS
GUERRA AO CRIME

Polícia apreendeu cerca de 1 t de maconha por dia em MS

Programa da Fátima pode não ser melhor ou pior que os outros. É diferente
CANAL 1 - FLÁVIO RICCO

Programa da Fátima pode não ser melhor ou pior que os outros. É diferente

Mais Lidas