Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

DIREITOS DE TRANSMISSÃO

Botafogo anuncia acordo com a Globo

Botafogo anuncia acordo com a Globo
07/04/2011 01:00 - uol


O Botafogo anunciou, nesta quarta-feira, que assinou seu contrato de direito de transmissão com a Globo. O clube alvinegro já havia sinalizado o compromisso anteriormente e é o 13º a seguir por esse caminho, ampliando ainda mais a crise no Clube dos 13. 

"Fiel aos seus valores imateriais, o Botafogo foi o 13º clube a assinar o contrato e complementa informando que as bases acertadas atendem plenamente aos interesses do clube e confirmam o acerto de todas as decisões relacionadas ao tema", disse a diretoria em comunicado oficial, sem citar valores ou tempo de contrato.

No último dia 25, o Botafogo já tinha confirmado a intenção de se desfiliar do Clube dos 13. Por meio do seu site oficial, o clube carioca carioca citou a Constituição brasileira como base para o seu pedido e, assim, romper definitivamente com a entidade que, até então, representava os interesses comerciais de 20 times.

“A presente notificação está baseada na Constituição da República, que dispõe no inciso XX, do artigo 5º que: ‘XX – ninguém poderá ser compelido a associar-se ou a permanecer associado’.”, dizia na ocasião a nota oficial do Botafogo.

No documento, assinado pelo presidente Mauricio Assumpção, o Botafogo ainda reitera que o Clube dos 13 não tem mais permissão para negociar em seu nome nenhum ponto relativo aos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro.

Felpuda


Sindicalista defende o fim de mordomias e privilégios dos políticos e dos integrantes de outros Poderes, conforme divulgação feita por sua assessoria. Para ele, está na hora de se colocar um basta nessa situação, questionando, inclusive, o número de parlamentares e de assessores. Entretanto, não demonstra a mesma aversão por aqueles dirigentes de sindicatos que se perpetuam no poder e que comandam mais de uma entidade, assim como ele. Afinal, o exemplo deve vir de casa, né?