Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

domingo, 17 de fevereiro de 2019 - 12h59min

Queimadas

Bombeiros combatem até 5 incêndios por dia

2 JUL 10 - 07h:20
ANAHI ZURUTUZA

Queimadas em terrenos baldios têm tirado o sossego do Corpo de Bombeiros de Campo Grande. De acordo com a assessoria de imprensa da corporação, o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), recebe de dois a cinco chamados por dia para combater incêndios em áreas abandonadas da Capital.
De janeiro a junho deste ano, os bombeiros já atenderam 426 ocorrências de incêndios em terrenos em Campo Grande, mais da metade do que foi registrado de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2009, quando os militares atenderam a 698 chamados do tipo.
Na noite dessa quarta-feira (30), bombeiros controlaram incêndio de grande proporção na Avenida Interlagos, próximo à Avenida Três Barras. Também ontem foi registrada queimada na Avenida Rotterdam, no Bairro Universitário, região sul da cidade.

Crime
Colocar fogo em terrenos baldios é crime. De acordo com o delegado Fernando Villa de Paula, titular da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista (Decat), quem for flagrado colocando fogo em áreas de vegetação dentro ou fora da cidade pode pegar de 1 mês a 15 anos de reclusão. “Depende do dano causado pela queimada. Se for um simples incômodo aos moradores da região a pena é de 1 a 3 meses de prisão, se o fogo causou algum dano ambiental a pena já sobe para até 6 anos de reclusão”.
Segundo o delegado, este ano, alguns campo-grandenses já foram indiciados por provocar incêndios em terrenos. “Não tenho o número exato. Mas, a gente tem muita dificuldade para trabalhar com esse tipo de crime, porque, geralmente, as pessoa denunciam sem nos dar qualquer pista que nos ajude a chegar ao autor”.
A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur) também recebe denúncias de queimadas em terrenos. Nos primeiros três meses deste ano, a secretaria autuou 68 proprietários de terrenos da Capital por conta de terem praticado queimadas para a “limpeza” das áreas. A pena administrativa é de multa, cujo valor varia de R$ 1,3 mil a R$ 5, 2 mil.

Serviço: Denúncias sobre queimadas em terrenos podem ser feitas à Decat por meio do telefone 3318-9007 ou à Semadur pelo 3314-3151.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS

Após três quedas seguidas, gasolina volta a subir em Campo Grande

Etanol apresentou redução e diesel ficou estável, segundo ANP
Candidatos chegam mais cedo por preocupação com mudança no horário
CONCURSO PÚBLICO

Candidatos chegam mais cedo por preocupação com horário

Em janeiro, 490 empresas foram abertas em Mato Grosso do Sul
ECONOMIA REGIONAL

Em janeiro, 490 empresas foram abertas em Mato Grosso do Sul

Em MS, 12 escolas estaduais oferecerão aulas em tempo integral
ENSINO MÉDIO

Em MS, 12 escolas oferecerão aulas em tempo integral

Mais Lidas