Segunda, 11 de Dezembro de 2017

Bebê com 'ossos de vidro' recebe alta médica e vai ficar com a avó materna

17 FEV 2014Por R718h:15

O bebê com "ossos de vidro", que estava internado no Hospital da Criança, em Goiás, recebe alta médica nesta segunda-feira (17) e vai ficar com a avó materna, Juraci Quitino, já que a mãe biológica não tem condições financeiras.

Desde que nasceu, a criança de um ano e quatro meses nunca saiu do hospital porque tem osteogênese imperfeita, doença conhecida popularmente como “ossos de vidros”, e sofre fraturas facilmente. Por conta disso, a equipe médica do hospital organizou uma festinha de despedida do garoto.

O Conselho Tutelar de Goiás esteve na casa da avó da criança e constatou que Juraci está apta para receber o menino. A osteogênese imperfeita é uma doença genética que não tem cura e exige um tratamento com uma equipe multidisciplinar, com ortopedista, nutricionista, fisioterapeuta e fonoaudiologia. No Brasil, estima-se que a doença acometa uma a cada 20 mil pessoas.

Leia Também