Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Bebê com 'ossos de vidro' recebe alta médica e vai ficar com a avó materna

Bebê com 'ossos de vidro' recebe alta médica e vai ficar com a avó materna
17/02/2014 18:15 - R7


O bebê com "ossos de vidro", que estava internado no Hospital da Criança, em Goiás, recebe alta médica nesta segunda-feira (17) e vai ficar com a avó materna, Juraci Quitino, já que a mãe biológica não tem condições financeiras.

Desde que nasceu, a criança de um ano e quatro meses nunca saiu do hospital porque tem osteogênese imperfeita, doença conhecida popularmente como “ossos de vidros”, e sofre fraturas facilmente. Por conta disso, a equipe médica do hospital organizou uma festinha de despedida do garoto.

O Conselho Tutelar de Goiás esteve na casa da avó da criança e constatou que Juraci está apta para receber o menino. A osteogênese imperfeita é uma doença genética que não tem cura e exige um tratamento com uma equipe multidisciplinar, com ortopedista, nutricionista, fisioterapeuta e fonoaudiologia. No Brasil, estima-se que a doença acometa uma a cada 20 mil pessoas.

Felpuda


A continuar disparando tantas críticas ácidas contradizendo o seu partido, que em nível nacional ganhou até um ministério, político cá dessas bandas poderá ser colocado de escanteio e, se continuar nessa cruzada nada palatável para as lideranças, ser convidado gentilmente a “procurar o caminhão do qual caiu”, como se diz no popular. Os comentários são de que o dito-cujo age assim mais para ganhar holofotes. Esqueceu-se, pelo que se vê, que poderá ocorrer curto-circuito. Ui!