Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTES

Base Aérea festeja aniversário com jogos

Base Aérea festeja aniversário com jogos
31/07/2010 16:52 -


Começaram na noite de ontem as disputas dos Jogos Esportivos Comemorativos ao 66º Aniversário da Base Aérea de Campo Grande. A competição, que reúne cerca de 400 atletas das forças armadas (Exército, Marinha e Aeronáutica), forças auxiliares (Polícia Militar, Polícia Federal, entre outras) e profissionais liberais, segue até o dia 19 de agosto.
A programação apresenta disputas nas modalidades de futebol society, voleibol masculino e feminino, cabo de guerra e corrida. No total são 17 equipes na luta pelo título, como 9ª Região Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar, Base Aérea de Campo Grande e Unidades Aéreas, 20º Regimento de Cavalaria Blindado, Destacamento de Base Aérea do Exército, 18º Batalhão Logístico, 14ª Companhia de Polícia do Exército, Polícia Rodoviária Federal, e Guarda Municipal de Campo Grande.
Por seu turno, no torneio de voleibol feminino, participam as equipes da Base Aérea, Círculo Militar, Sealp, Escolinha de Voleibol Pezão, Associação Campo-Grandense de Professores, Sesc Camillo Boni, Sidrolândia e Colégio ABC.
“Abrimos a disputa para equipes de fora da Base Aérea em 2007 e desde então a competição ficou mais disputada. É um momento de festa e onde cumprimos a missão de incentivar a prática esportiva”, comentou o sargento Newerton Antônio Monteiro, responsável pelas disputas de vôlei.
As disputas acontecem na Base Aérea de Campo Grande, no campo de futebol da Área de Lazer dos Oficiais e no Ginásio de Esportes, localizados na Vila Militar.

Felpuda


O sumiço de algumas figurinhas carimbadas da política não acontece em virtude da necessidade de isolamento como uma das formas de prevenção à pandemia. Em verdade, seria porque não têm mesmo o que e a quem falar. Com o advento das redes sociais, quem acha que fazer campanha eleitoral continua como na época do “eu prometo” está a um passo de ver o sonho de conquistar mandato se transformar em pesadelo. Pelo jeito, não estão nem conseguindo dormir.