Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Barrichello empolgado com projeto

23 JAN 10 - 08h:15
Sexta colocada do Mundial de Construtores da Fórmula 1 em 2009, a Williams não vai utilizar a base daquele bem sucedido. A escuderia começará do zero, em uma tática que agrada a Rubens Barrichello. Como brinca dizendo que “não se ganha nada telefonando” a engenheiros, no mês de janeiro, Rubinho já visitou a fábrica da Williams, em Grove, por várias vezes e se mostra empolgado com o desenvolvimento do novo carro, o FW32, que nesta semana fora chamado de “uma coisa muito nova do ponto de vista aerodinâmico” pelo diretor técnico Sam Michael. Segundo o brasileiro, as expectativas quanto ao modelo, que pretende quebrar o jejum de vitórias da equipe que já dura desde 2004, são mesmo muito boas. “É bom acompanhar como está a Cosworth e ver as intenções”, afirmou Michael, elogiando ainda a fornecedora de motores. “Eles não querem apenas ir bem, mas também ganhar”. A sensação de ganhar provas foi sentida por Barrichello em duas ocasiões em 2009, quando, guiando para a Brawn GP, deixou para trás um próprio tabu - não vencia uma prova desde 2004, pela Ferrari. Agora, ele quer mais e, aos 37 anos, ainda sonha com o inédito título mundial.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Guarda afasta agentes que atuaram em dispersão de manifestantes
CONFUSÃO NO TERMINAL

Guarda afasta agentes que atuaram em dispersão de manifestantes

Jovem morto em acidente era soldado do Exército e seguia para o trabalho
COLISÃO

Jovem morto em acidente era soldado do Exército e seguia para o trabalho

Árvores da Rui Barbosa ganham poda para harmonizar com Reviva
REVITALIZAÇÃO DO CENTRO

Árvores da Rui Barbosa ganham poda para harmonizar com Reviva

Verstappen brilha em Interlagos e vence GP do Brasil
FÓRMULA 1

Verstappen brilha em Interlagos e vence GP do Brasil

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião