Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

CANTO LÍRICO

Barítono da Capital é um dos finalistas de concurso internacional

24 ABR 2011Por Da redação14h:07

O barítono Francis Padilha de Campo Grande está entre os finalistas do 9º Concurso Internacional de Canto Bidu Sayão, a principal e mais importante competição de Canto Lírico do país e da América Latina. Ao todo, foram classificados para esta fase do concurso, doze cantores líricos (oito mulheres e quatro homens). A prova final acontece hoje, às 15 horas, no Conservatório Mineiro de Música. A entrada é aberta ao público e franca. O resultado só será divulgado dia 27 durante o Concerto de Encerramento e Premiação, no Palácio das Artes, em Belo Horizonte.

Os finalistas são: Ana Lúcia Benedetti (São Paulo), David Salsbery Fry (Estados Unidos), Fabíola Protzner (Belo Horizonte), Francis Padilha (Campo Grande), Gilberto Chaves (São Paulo), Jean Nardoto (Brasília), Krista Monique McClellan (Estados Unidos), Luciana Cecille (Viena), Ludmilla Bauerfeldt (Rio de Janeiro), Lys Nardoto (Brasília), Patrícia Mello (Londrina) e Tatiana Vanderlei (São José dos Campos).

Durante a final, Padilha deverá executar, de compositores diferentes, uma ária de ópera italiana, uma área de ópera e uma peça de livre escolha em pelo menos dois idiomas diferentes. Ele concorrerá com dois tenores e um baixo e terá 20 minutos para mostrar para o júri e o público que é a melhor voz masculina.

Ele foi avaliado por um júri presidido pelo maestro Luis Gustavo Petri, Diretor Artístico e Regente titular da Orquestra Sinfônica de Santos, e composto por profissionais de renome da área da música e canto eruditos: o Professor José Carlos Xavier do Conservatório Nacional de Portugal, pelo Maestro e Assessor Artístico Luis Aguiar do Palácio das Artes de Belo Horizonte, pelo Maestro Nicola Massimo Biscardi de Roma (Itália) e pela Professora e Pianista Sandra Almeida de Belo Horizonte.

Francis Padilha é regente, cantor e preparador vocal. Bacharel em Canto pela UFRGS. Atualmente é aluno do curso de Regência Coral da UFRGS. Atuou como regente no Coral Sons do Vale – projeto de música no Campus da UFRGS de 2001 a 2004 e rege atualmente os corais Zemer da Federação Israelita de POA e ANASPS-RS. Como preparador vocal atua no Coral Procergs, AABB de Porto Alegre, no Coral da Fundação Tiago Gonzaga e Madrigal do Dpto de Música da UFRGS de 2003 a 2004. Foi preparador vocal do I Forum Coral Mundial, junto as atividades do Forum Social Mundial em Poa à convite da FECORS. É Barítono tendo cantado com a orquestra Sinfônica da Puc de Curitiba e UCS de Caxias do Sul, Orquestra do Grupo Cantabile de POA, Dpto. de Música da Ufrgs e Pro Cantus. Em 2005, participou do Espetáculo Nativitatem a convite da Prefeitura de Gramado junto as atividades do Natal Luz. Como Professor trabalhou nas oficinas de Técnica Vocal, Corão e Coro MPB no 16º Painel de Regência Coral de Gramado-RS, Oficinas de Técnica Vocal da Escola Terra Mater em São Paulo e Oficinas de Coro Cênico e Técnica Vocal do 25º Festival de Música de Londrina. É integrante e preparador vocal do grupo Vocal 5 desde 2003 dedicado a música vocal a capella.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também