Segunda, 11 de Dezembro de 2017

Barbosa diz que ''tanto faz'' se réus do mensalão forem condenados

21 FEV 2014Por terra13h:15

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, afirmou nesta quinta-feira que "não tem interesse nenhum" em eventual absolvição ou manutenção das condenações na nova fase do julgamento do mensalão.

"Não tenho interesse nenhum. Der o que der, para mim tanto faz", disse, batendo as mãos em gesto de indiferença.

Barbosa afirmou ainda que a decisão sobre o regime de prisão do ex-deputado José Genoino (PT-SP) ainda não será tomada agora, porque “precisa ser mais instruída”. Genoino está em prisão domiciliar, por problemas de saúde. O presidente do STF precisa decidir se o petista continuará na mesma situação, ou se será mandado para a cadeia. Ontem, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, recomendou uma nova avaliação médica.

Quanto à prisão do ex-deputado Roberto Jefferson, ele disse que a análise “está mais adiantada”, mas não quis dizer quando tomará a decisão. Jefferson também foi condenado, mas ainda não começou a cumprir pena, também por problemas de saúde.

Barbosa também negou que tenha recebido convite do PSB para se candidatar a algum cargo político nas eleições deste ano. No último fim de semana, a revista Veja publicou que ele se aposentadoria antes dos 70 anos e teria intenções eleitorais.

“Não, não. Isso é conversa, isso é conversa”, negou veementemente.

Leia Também