Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Queda da Selic

Bancos reduzem juros de empréstimos

2 SET 12 - 00h:00terra

Desde agosto do ano passado, o Banco Central (BC) vem reduzindo a taxa básica de juros, Selic, e na última quarta-feira foi registrada a nona queda seguida. Com isso, a Selic passou de 8% a 7,5% ao ano - o menor valor da história. O efeito desses cortes sucessivos já pode ser sentido pelos consumidores.

Segundo a Associação Nacional de Executivos de Finanças (Anefac), enquanto a Selic caiu três pontos percentuais entre dezembro de 2011 e julho deste ano, por exemplo, a taxa média de juros cobrada dos consumidores caiu 10,87 pontos percentuais. No período, a Selic passou de 11% ao ano para 8% ao ano em julho. Já a taxa de juros média para pessoa física passou de 114,84% ao ano para 103,97% ao ano no período.

Em junho, no entanto, a média dos juros praticados pelo mercado subiu e, depois, caiu em julho - reflexo da redução dos índices de inadimplência, "bem como da redução da taxa básica de juros", de acordo com a entidade.

Em julho, segundo a pesquisa de mercado da Anefac, de seis linhas de crédito disponíveis para pessoa física, uma registrou estabilidade (a taxa rotativa do cartão de crédito) e as demais foram reduzidas. A taxa de juros média geral caiu 0,08 ponto percentual no mês ou 1,85 ponto percentual no ano, passando de 6,20% ao mês (ou 105,82% ao ano) em junho para 6,12% ao mês (ou 103,97% ao ano) em julho. A entidade aponta que esta é a menor taxa de juros da série histórica, iniciada em 1995.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Felpuda

AGRICULTURA E JUSTIÇA

Ministérios assinam acordo para combater abusos no crédito agrícola

Bombeiros confirmam terceira morte em desabamento em Fortaleza
PRÉDIO RUIU

Bombeiros confirmam terceira morte em desabamento em Fortaleza

IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

Juiz extingue ação contra Alckmin por supostos desvios de R$ 3 bi do Fundeb

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião