Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

LIBERTADORES

Atlético-MG joga mal, mas vence Zamora em estreia

Atlético-MG joga mal, mas vence Zamora em estreia
11/02/2014 23:05 - terra


Atual campeão da Copa Libertadores, o Atlético-MG estreou na edição 2014 da competição com vitória sofrida, após atuação sonolenta na cidade de Barinas, na Venezuela. Com gol de Jô no final do confronto, o time passou por 1 a 0 sobre o Zamora, equipe de pouca tradição no campeonato, mas que chegou a pressionar nos minutos finais da partida.

Com o resultado, o time chega aos três pontos no Grupo 4, que ainda conta com Nacional, do Paraguai, e Santa Fé, da Colômbia. A equipe volta a campo no domingo para fazer o clássico com o Cruzeiro, às 17h (de Brasília), no Estádio Independência, em Belo Horizonte, pelo Campeonato Mineiro. Na Libertadores, joga de novo contra o Santa Fé, em 26 de fevereiro.

​A partida foi de movimentação tímida por parte de ambos os times desde o início do jogo. Ambos não conseguiram criar chances claras de gol durante os 90 minutos. Pelo contrário: sobraram jogadas feias, divididas, passes errados e finalizações sem qualquer propósito. Mesmo o Atlético-MG, que manteve a posse de bola, não mostrou eficiência no setor ofensivo.

Contestado nas últimas partidas da temporada, o técnico Paulo Autuori não gostou da atuação atleticana e mostrou irritação em diversos momentos do confronto. A única ação de maior emoção do primeiro tempo ocorreu aos 28min, quando Falcón recebeu passe na área e chegou a marcar o gol, depois de o assistente anotar impedimento.

Já no final do confronto, com ritmo reduzido, o Zamora passou a pressionar mais e chegou a ser pressionado. Aos 36min, Ovalle recebeu pela esquerda e surpreendeu ao bater direto para o gol, assustando Victor. Aos 40min, o goleiro trabalhou bem ao segurar chute de Flores. O gol salvador atleticano saiu aos 43min, em cobrança de escanteio de Ronaldinho completada de cabeça por Jô.

Felpuda


Prefeitura de município do interior de MS recebeu recomendação do Ministério Público do Estado no sentido de exonerar servidores comissionados, livres do cartão de ponto, que são parentes de secretários da administração e de vereadores. O nepotismo se tornou um excelente “negócio” por lá, e se até o dia 6 de agosto as devidas providências não forem tomadas, medidas serão adotadas, como ação por improbidade administrativa. Tem gente que não aprende mesmo, né?