Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 19 de dezembro de 2018

Comemoração

Atividades em todo o País lembram o Dia Nacional do Circo

27 MAR 2011Por Terra16h:15

Palhaços invadiram a avenida Paulista em São Paulo para comemorar o Dia Mundial do Teatro e o Dia Nacional do Circo

Data de nascimento de Abelardo Pinto, Palhaço Piolin - pioneiro na introdução do circo nas artes cênicas no século XIX -, 27 de março, Dia Nacional do Circo, está sendo comemorado em diferentes cidades do Brasil.

No Recife (PE), o Movimento de Teatro Popular de Pernambuco e a Associação de Teatro de Olinda levam artistas para as ruas da capital com performances teatrais e circenses. Em Campo Grande (MS), a Fundação de Cultura dedicou a semana ao teatro e ao circo com uma série de atrações até o próximo domingo.

No Nordeste, o 5º Festival Banco do Nordeste das Artes Cênicas conta com espetáculos de teatro, circo e dança em Fortaleza (CE), Juazeiro do Norte (BA) e Sousa (PB) também em homenagem ao dia mundial do teatro. O Sesc de São José dos Campos também criou programação especial em comemoração ao Dia Mundial do Circo com introdução às técnicas de malabares e acrobacias, espetáculos de mágica e ilusionismo e de artistas circenses.

No Rio de Janeiro, a data será comemorada na Lapa, no centro, no meio da rua com atividades organizadas pela Rede Brasileira de Teatro de Rua/RJ a partir das 16h. O ator Marcondes Mesqueu é um dos organizadores do evento e vai apresentar seu personagem, o palhaço Dr. Saca-Rolha Saracura, médico de remédio, chá e benzedura.

"Só o lúdico liberta o homem, leva o homem para a fantasia, sobretudo numa sociedade dura, que não nos dá tempo para pensar e que vem gerando cada vez mais violência urbana. Só a arte é capaz de conter a violência", diz o ator que há anos trabalha com teatro de rua e itinerante.

A Fundação Nacional de Artes (Funarte) não programou nenhuma atividade especial para a data, segundo o responsável pela Coordenação de Circo da Fundação Nacional de Artes (Funarte), Marcos Teixeira.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também