Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Ataque de piranhas palometas fere dezenas de pessoas em balenário argentino

26 DEZ 13 - 15h:15agência brasil

O diretor de Emergências Sanitárias de Rosario, Federico Cornier, confirmou hoje (26) o atendimento de pelo menos 70 pessoas, em diferentes centros de saúde, que tinham sido mordidas quarta-feira (25) por palometas (peixes da família das piranhas) em uma praia do Rio Paraná, na zona norte da cidade. Cornier disse que a maioria dos banhistas atendidos teve ferimentos leves, mas duas crianças perderam falanges da mão e do pé.

De acordo com Cornier, a aparição desse tipo de peixe em balneários da região não é tão rara. "Existem palometas nessas águas, embora não nesta magnitude, disse ele. Cornier citou especialistas, segundo os quais, as altas temperaturas das águas na região atraíram um cardume desses peixes para a costa e eles começaram a morder os banhistas.

Ainda segundo Cornier, no momento do ataque, havia muita gente na praia: cerca de 9 mil pessoas.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Agressores de mulheres não poderão tirar carteira de advogado, diz OAB

STJ mantém efeitos de liminar que revogou prisão de Puccinelli
MÉRITO

STJ mantém efeitos de liminar que revogou prisão de André

BRASIL

Oposição fecha questão contra Previdência e quer atrasar análise na CCJ

BRASIL

Abertura comercial do país deve ser lenta, gradual e segura, diz Mourão

Mais Lidas