Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Atacante Adriano está envolvido em nova polêmica

19 MAR 10 - 06h:18
O atacante Adriano está envolvido em nova polêmica. Depois dos desaparecimentos do clube, motivados pela bebida e da compra de uma moto em nome da mãe de um traficante do Rio de Janeiro, o jogador agora está relacionado a problemas no trânsito. Segundo reportagem do jornal carioca O Dia, seis carros do jogador do Flamengo foram flagrados cometendo 19 infrações nos últimos 11 meses, sendo que 13 por excesso de velocidade. As outras foram: três por avanço de sinal vermelho, estacionar em local proibido, dirigir falando ao celular e transitar em local proibido. Ao todo, Adriano acumula 87 pontos em sua carteira do Detran-RJ. O limite estabelecido pelo Código de Trânsito Brasileiro para suspender o direito de dirigir para os motoristas é de 20 pontos – o Imperador acumula mais que o dobro. A moto investigada pela polícia e o carro que a noiva Joana Machado ganhou de presente não estão na lista dos veículos multados. O jogador do Flamengo costuma recorrer quando considera ter recebido uma multa injustamente. Tanto que conseguiu se livrar de duas registradas em São Paulo em abril de 2009, ambas por “transitar em locais e horários onde o trânsito for proibido”. As infrações lhe custariam R$ 170,24 e oito pontos na carteira. Das 19 multas recebidas, 11 foram pagas, que custaram R$ 1.255,65. Somando-se as 19 multas, o valor total é de R$ 2.164,38.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

MS tem 91 imóveis confiscados do tráfico para serem vendidos
GUERRA AO CRIME

Mato Grosso do Sul tem 91 imóveis confiscados do tráfico para serem vendidos

Presidente do Ceasa é sepultado nesta sexta-feira
DA REDAÇÃO

Presidente do Ceasa é sepultado nesta sexta-feira

Polícias estaduais apreendem cerca de uma tonelada de maconha por dia em MS
GUERRA AO CRIME

Polícia apreendeu cerca de 1 t de maconha por dia em MS

Programa da Fátima pode não ser melhor ou pior que os outros. É diferente
CANAL 1 - FLÁVIO RICCO

Programa da Fátima pode não ser melhor ou pior que os outros. É diferente

Mais Lidas