Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

JORNALISTA DE MS

Associação pede investigação sobre agressão

Associação pede investigação sobre agressão
15/01/2014 11:00 - TARYNE ZOTTINO


A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert) divulgou uma nota hoje (15),  pedindo que as autoridades de Mato Grosso do Sul investiguem a agressão ao jornalista e radialista Márcio Lúcio Seraguci, 49 anos, que teria acontecido no último sábado (11), em Paranaíba (MS).

Márcio disse à polícia que participava de um evento público no ginásio de esportes da cidade, quando foi abordado por dois jovens. Um terceiro se juntou a eles e o agrediu também, com socos e chutes. Teriam, inclusive, tentado enforcá-lo com uma corda. O jornalista conseguiu fugir num momento de descudido dos agressores, que vasculhavam seu carro. Com vários ferimentos, ele foi socorrido e levado pelo Corpo de Bombeiros para a Santa Casa. Márcio dirige a rádio Difusora, o jornal Tribuna Livre e a Revista Tribuna.

No local, o veículo do radialista estava todo revirado e havia sinais de luta corporal. Também foi localizada uma corda vermelha. Foram levados dois celulares, um seu e outro da Prefeitura Municipal de Paranaíba, e o controle remoto do portão da frente de sua casa. 

Felpuda


Considerados “traíras” por terem abandonado o barco diante dos indícios da chegada da borrasca à antiga liderança, alguns pré-candidatos terão de se esforçar para escapar da, digamos assim, vingança, velha conhecida da dita figurinha. Dizem por aí que há promessas nesse sentido, para que os resultados dos “vira-casacas” nas urnas sejam pífios. Sabe aquela velha máxima: “Pisa. Mas, quando eu levantar, corre!” Pois é...