Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

resposta

Associação de árbitros diz que Botafogo é 'incompetente'

25 ABR 11 - 18h:27uol

Após o Botafogo reclamar da atuação da arbitragem na partida diante do Avaí, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, quando foi eliminado pelo Avaí, ao empatar por 1 a 1, na Ressacada, em Florianópolis, a Anaf (Associação Nacional dos Árbitros de Futebol) deu uma apimentada resposta direcionada aos dirigentes alvinegros. Dentre elas, a comissão de arbitragem classificou o clube como incompetente e ainda disse que ninguém aguenta mais o repetitivo choro do alvinegro.

A Anaf aproveitou para defender a atuação do árbitro Ricardo Marques durante a partida. Segundo a instituição, o lance que ocasionou o pênalti, nos minutos finais para a equipe catarinense, pode ter muitas interpretações. A assessoria do clube alvinegro afirmou que o presidente Maurício Assumpção preferiu não se pronunciar sobre o assunto

O Botafogo foi eliminado tanto da Copa do Brasil quanto do Campeonato Carioca. A equipe agora volta a treinar e busca se reconstruir para tentar fazer um bom papel no Campeonato Brasileiro. A estreia será dia 22 de maio, diante do Palmeiras

Confira a nota da Anaf na íntegra

Infelizmente as mesmas desculpas voltam à tona após um fracasso em campo. O Botafogo, eliminado do Campeonato Carioca e da Copa do Brasil, disfere sua raiva na Comissão de Arbitragem ao invés de procurar solucionar seus problemas. A incompetência dentro e fora dos gramados supera os erros que por ventura aconteçam. Transferir responsabilidades e acusar a pessoa de Sérgio Corrêa é no mínimo falta de inteligência.

Quando o clube carioca cita um pênalti "inexistente" e um escanteio "não marcado" esquece de citar que o Avaí reclama de um pênalti minutos antes. Também não cita a incompetência de seus jogadores e treinador em derrotar a equipe de Florianópolis. Nos blogs alvinegros a torcida reclama da postura covarde do Botafogo após o atacante Loco Abreu fazer 1 a 0. Será que a diretoria fará uma nota oficial contra seus jogadores e treinador?
Prefere criticar os blogueiros? O que irá falar sobre os torcedores ameaçando os atletas no aeroporto? É tudo culpa da arbitragem?

Nass rádios presentes no estádio da Ressacada houve, em todas elas, jornalistas concordando com a marcação de Ricardo Marques. Dentre os comentários, a grande maioria com justificativas plausíveis. O bom posicionamento e a convicção ao anotar a marca do pênalti demonstram a convicção que algumas câmeras, aliado a paixão, não conseguem captar. Na Copa de 98 aconteceu igual. Ninguém viu a falta dentro da área de Júnior Baiano sobre o atacante norueguês. Somente uma imagem amadora provou que o juiz estava certo. Até então ele fora crucificado pelos brasileiros, como hoje é crucificado o senhor Ricardo Marques.

Acusar os mesmos de sempre é fácil, pois transfere a responsabilidade. O alvo deixou de ser o árbitro e seus assistentes e passou a ser o presidente da Comissão de Arbitragem, Sérgio Corrêa. Questionar se uma pessoa que atua na arbitragem desde 1981, em todas as funções dentro e fora de campo, e tem reconhecido prestígio nacional e internacional é também fechar os olhos para a atitude ridícula ao final da partida. Perder faz parte do esporte e, por isso é preciso saber lidar com a derrota e com a vitória. Partir para briga e divulgar nota oficial esquecendo dos problemas internos é no
mínimo incoerente.

A ANAF gostaria de convidar os dirigentes botafoguenses para acompanhar os testes da CBF, as palestras, as reuniões que procuram discutir os erros, as pré-temporadas, entre tantas outras atividades visando qualificar a arbitragem. Assim os mesmos pensariam duas vezes em perguntar quais as mudanças na categoria nos últimos anos. Se estes senhores estão tão preocupados com o futuro dos árbitros, por que não defenderam a profissionalização? O projeto está no Congresso Nacional sob o número 6.467/2009. Será que preferem novamente acusar os mesmos? É mais fácil jogar a culpa nos outros e, necessariamente, buscar o lado mais fraco, a arbitragem.

A chegada no aeroporto do Rio de Janeiro é um sinal de que existe algo a ser modificado realmente!

Enquanto jogadores, treinadores, dirigentes e alguns supostos "craques" ganharem milhões para jogar bola e perdem gols incríveis, fazem faltas bizonhas, deixam os clubes com dívidas gigantescas e colocam a razão do fracasso em outra pessoa, sequer profissional, o futebol brasileiro será lembrado como celeiro de craques, administrações péssimas e falidas. Seremos apenas uma chocadeira, onde os bons aparecem e vão embora para outros mercados.

Por fim, caso o Botafogo acredite ser necessário modificar o comando da arbitragem nacional, por que não sugere nomes, formas e modelos de administração baseado no seu dia-a-dia ou prefere acusar e esquecer os milhões de dívidas, estádio "emprestado", salários atrasados, inexistência de CT adequado, entre outros problemas divulgados pela mídia? É bom cada um olhar para si antes de transferir responsabilidades.

A ANAF chama a atenção de todos os árbitros e assistentes para estes clubes que, além de não acompanhar o trabalho da CBF, o sacrifício individual de cada um dos senhores, nada fazem pelo setor, a não ser emitir notas oficiais pueris, com o objetivo de desviar os seus próprios problemas! Vamos acompanhar e divulgar cada um que assim agir!

Não faremos o mesmo, ou seja, sugerir que se mude a direção do Botafogo nas eleições que se realizarão em breve e nem lembrar de equívocos anteriores de seus jogadores, treinadores etc em edições da mesma Copa do Brasil, pois sabemos que nunca conseguiremos a perfeição divina que tanto exigem dos nossos falíveis árbitros. É mais fácil crucificar uma pessoa! Ninguém aguenta este choro repetitivo!

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Judiciário e governo buscam reduzir milhões de ações contra o INSS

São abertas cerca de 7 mil novas demandas diariamente contra o órgão
Caixa anuncia financiamento habitacional corrigido pelo IPCA
ECONOMIA

Caixa anuncia financiamento habitacional corrigido pelo IPCA

COMPRA DE ENERGIA

Diretor de Itaipu acredita que acordo com Paraguai sairá em breve

STJ nega recurso e prefeitura deve indenizar moradores por alagamentos
SERRADINHO

STJ manda prefeitura indenizar moradores por alagamentos

Mais Lidas