Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CONFRONTO

Assaltante é morto em troca de tiros com a Polícia Militar

Assaltante é morto em troca de tiros com a Polícia Militar
24/07/2012 08:10 - VÂNYA SANTOS


Depois de roubar uma padaria, um homem que chegava em casa e uma distribuidora no Bairro Paraguai, em Maracaju, Edson Carneiro da Silva, de 33 anos, foi morto em troca de tiros com policiais militares. O confronto aconteceu na madrugada de ontem (23).

De acordo com a Polícia Militar (PM), uma equipe conseguiu encontrar Edson, apontado como autor dos crimes, escondido em uma quitinete, localizada na Rua Benjamin Constant, mesmo bairro onde aconteceram os assaltos.

O imóvel foi cercado, policiais se identificaram e ordenaram que o suspeito se rendesse, no entanto, Edson não obedeceu e subiu no telhado com o objetivo de fugir. O acusado se arrastou por um dos telhados vizinhos e fugiu em direção a um dos militares, que cercava o local.

Ainda de acordo com a polícia, Edson efetuou disparos contra o policial, que revidou. O suspeito então pulou para outro telhado e disparou contra um coronel, que estava nas proximidades. O comandante da equipe revidou com dois disparos, sendo que um deles atingiu a vítima no pescoço. O acusado caiu do telhado e ficou pendurado num portão. A arma usada por ele foi apreendida.

Consulta feita no Sistema Integrado de Gestão Operacional (Sigo) aponta que Edson era foragido da Justiça de Três Lagoas. Na noite do crime, ele havia praticado pelo menos três roubos em Maracaju, mas no último dia 7 assaltou um salão de cabeleireiro na companhia de seu irmão.

Com informações do site Rádio Caçula 

Felpuda


O desgaste de antigas lideranças nacionais, com reflexo em nível local, é a maior preocupação dos dirigentes de partidos para as eleições deste ano, que terá reflexo em 2022. Em épocas passadas, essas figurinhas cruzavam os céus do País para visitarem os municípios e pedirem que a população votasse em seus ungidos. Agora, com pendências judiciais e poder enfraquecido, dificilmente seriam convidadas. A pandemia, que resultou no isolamento social, foi a pá de cal.