Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

SINDIMÓVEIS/MS

Aprovada nova tabela de honorários de corretores de imóveis

21 NOV 2010Por Da Redação00h:01

Em Assembléia Extraordinária promovida no auditório do CRECI/MS (Conselho Regional dos Corretores de imóveis de Mato Grosso do Sul ) no dia 19 e novembro, sexta-feira, o Sindimóveis/MS (Sindicato dos Corretores de Imóveis de Mato Grosso do Sul) aprovou a nova tabela de honorários dos corretores de imóveis. A tabela será encaminhada ao CRECI/MS para homologação e entrará em vigor após ser publicada no Diário Oficial do Estado.

O presidente do Sindimóveis/MS, James Antônio Gomes, explica que a tabela foi elaborada em parceria com o Secovi/MS (Sindicato da Habitação de Mato Grosso do Sul). O presidente do Secovi/MS, Marcos Augusto Netto, também esteve presente na Assembléia.

Os honorários para venda de imóveis permanecem os mesmos, mínimo de 5% e máximo de 10%. Foi estabelecido valor mínimo para os honorários por administração de imóveis, em caso de locação, de 7% do salário mínimo vigente, chegando a 10% do valor do aluguel, em caso de administração simples. “O valor mínimo é fundamental para dar condições para que o administrador trabalhe com o imóvel do proprietário”, avalia o presidente do CRECI/MS, Eduardo Francisco Castro.

 

O honorário para emissão de parecer técnico, antes de 0,7% do valor do imóvel, agora terá intervalo de 0,3% a 1%, dependendo da negociação entre as partes. A nova tabela também estabelece os honorários para consultas e assessoria imobiliária.

 

No caso da consulta, serão equivalentes a 20% do salário mínimo vigente quando feita no escritório do corretor de imóveis e 25% quando for externa. Para a assessoria imobiliária, que compreende a prestação de serviços como encaminhamento de documentação para financiamento habitacional, a remuneração do corretor de imóveis será de um a dois salários mínimos.

Leia Também