Campo Grande - MS, quarta, 22 de agosto de 2018

Apple corrige sistema que rastreia localização de usuário do iPhone

5 MAI 2011Por r700h:26

A Apple fez nesta quarta-feira (4) uma atualização no sistema operacional do iPhone para corrigir erros relacionados à coleta de dados de localização do usuário.

O assunto ganhou destaque quando Alasdair Allan e Pete Warden, especialistas da área de segurança, publicaram um artigo no site americano de tecnologia O'Reilly Radar com a informação de que iPhones e iPads 3G estariam rastreando e arquivando detalhes sobre os movimentos dos usuários. Os dados são guardados em um arquivo escondido, porém não criptografado (sem códigos de proteção).

Depois, o jornal americano Wall Street Journal informou que fez um teste e descobriu que o iPhone coleta dados sobre o movimento dos usuários mesmo quando serviços de localização do aparelho estão desligados.

Apple negou nesta quarta-feira (26) que rastreie a localização de usuários do iPhone conforme eles se movimentam com o telefone. A empresa diz que o aparelho grava apenas os dados de locais com acesso à internet por Wi-Fi e torres de celular que estão próximas ao aparelho, para que ele possa determinar com mais rapidez qual é a sua localização quando isso for necessário.

Na atualização do iOS, o sistema operacional da iPhone, a empresa corrigiu três falhas relacionadas ao assunto. A empresa reduziu o tempo em que esses dados são armazenados no aparelho para uma semana (algumas pessoas identificaram arquivos que mostram a localização de até um ano).

As informações também não são mais transmitidas para um computador por meio do iTunes (quando o usuário sincroniza o iPhone com a máquina). Os dados também são deletados do celular quando os serviços de localização do iPhone são desligados.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também