Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Aposentados terão este ano a última antecipação do 13º

3 JUL 10 - 00h:08
BRASÍLIA

Mais de 24 milhões de aposentados e pensionistas do INSS devem receber no final de agosto e início de setembro metade do 13º, como parte do acordo firmado entre o governo e entidades representativas deste segmento. Será o último ano de antecipação, iniciada em 2006.
A partir de 2011, para que recebam antes o valor, um novo acordo deverá ser negociado. O decreto deste ano deve ser assinado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva até o início do mês que vem.
A maioria receberá 50% do valor do benefício. A exceção é para quem passou a receber o benefício depois de janeiro. Neste caso, o valor será calculado proporcionalmente. Os segurados que estão em auxílio-doença também recebem uma parcela menor que os 50%.
Como o benefício é temporário, o INSS calcula a antecipação proporcional ao período. Por exemplo, um benefício iniciado em janeiro e ainda em vigor em agosto terá o 13º salário calculado sobre oito meses. O segurado receberá, portanto, metade deste valor. Em dezembro, caso ainda esteja afastado, o segurado irá receber o restante.
Por lei, não têm direito ao 13º salário os seguintes benefícios: amparo previdenciário do trabalhador rural, renda mensal vitalícia, amparo assistencial ao idoso e ao deficiente, auxílio-suplementar por acidente de trabalho, pensão mensal vitalícia, abono de permanência em serviço, vantagem do servidor aposentado pela autarquia empregadora e salário-família.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Judô brasileiro é promessa de medalha no Parapan
JOGOS PARAPAN-AMERICANOS 2019

Judô brasileiro é promessa de medalha no Parapan

PRESO DESDE 2002

Brasil extraditará sequestrador de Washington Olivetto para o Chile

Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita
SEM RECURSOS

Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas

Simone diz que reformas podem ser discutidas simultaneamente
TRIBUTÁRIA E PREVIDÊNCIA

Reformas podem ser discutidas ao mesmo tempo, diz Simone

Mais Lidas