Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTES

Após vencer no Bahrein, Ferrari é favorita na Austrália

Após vencer no Bahrein, Ferrari é favorita na Austrália
27/03/2010 04:43 -


Apesar de Lewis Hamilton ter feito o melhor tempo no primeiro treino livre para o GP da Austrália, que será disputado amanhã às 2h (MS), a Ferrari chega em Melbourne como favorita a mais uma vitória. No Bahrein, a escuderia italiana mostrou que sua performance na pré-temporada não foi obra do acaso, e que em 2010 ela pretende recuperar a posição de destaque após um frustrante 2009. Com a dobradinha Alonso/ Massa, e graças ao novo sistema de pontuação, a equipe lidera com folgas o mundial de construtores com mais do dobro de pontos da McLaren - 43 a 21. Para Fernando Alonso, a vitória o recoloca na luta por mais um título, colocando pressão em Felipe Massa. O brasileiro superou o espanhol no treino classificatório do Bahrein, mas foi ultrapassado na primeira curva e teve de se contentar com o segundo lugar. Principal adversário dos ferraristas, Sebastian Vettel só não venceu no Bahrein por causa de um defeito em uma vela de ignição. O alemão cravou a pole e dominava a prova até vinte voltas do final, quando seu carro perdeu rendimento e ele caiu para a quarta posição. A McLaren e a Mercedes parecem estar um passo atrás, mas prometem evoluir rapidamente. Outro que aguarda melhorias no carro é Rubens Barrichello. Décimo colocado no Bahrein, Rubinho considerou que seu desempenho ficou aquém do esperado. Para os novatos brasileiros, Brunno Senna e Lucas di Grassi, a prova em Melbourne será mais uma oportunidade de ganhar quilometragem com o carro, mas o objetivo dos dois ainda é conseguir chegar ao final da corrida.

Felpuda


Considerados “traíras” por terem abandonado o barco diante dos indícios da chegada da borrasca à antiga liderança, alguns pré-candidatos terão de se esforçar para escapar da, digamos assim, vingança, velha conhecida da dita figurinha. Dizem por aí que há promessas nesse sentido, para que os resultados dos “vira-casacas” nas urnas sejam pífios. Sabe aquela velha máxima: “Pisa. Mas, quando eu levantar, corre!” Pois é...