Terça, 19 de Junho de 2018

Após prisão de bolivianos, PF investiga atuação de 'cobradores do tráfico'

29 MAR 2010Por 16h:02
     

A partir da prisão de quatro suspeitos, a Polícia Federal de Mato Grosso do Sul, está investigando grupos de cobradores da Bolívia que estão recebendo dinheiro do tráfico de cocaína no MS. Pouco depois de 23h de ontem (28), eles foram flagrados portando um total de US$ 400 mil dentro do Aeroporto Internacional de Campo Grande, de onde pretendiam seguir viagem para a Bolívia. Max Junior Cuellar Wunder, 23 anos, estudante, residente em Santa Cruz de la Sierra, estava com 110 mil e 500 dólares distribuídos no corpo. Em poder de Paulo Antônio Daza Cuellar, 21 anos, estudante, residente em Trindade/Bolívia, os federais apreenderam 110 mil e 500 dólares. Também, Luiz Xavier Timeo Melgar, 31 anos, residente em Santa Cruz/Bolívia, estava transportando 68 mil e 640 dólares e com., Einar Daza Taboga, 36 anos, estudante, a PF encontrou 110 mil e 151 dólares. Negaram qualquer informação sobre a procedência do dinheiro que carregavam, informando apenas que receberam as quantias em locais diferentes de Campo Grande e de pessoas que não conhecem. Ganhariam US$ 700 cada pelo transporte da moeda norte-americana, quando retornassem a Bolívia.

Com informações do Estadão

Leia Também