Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 15 de novembro de 2018

Discussão

Após cometer assassinato, homem espera polícia no local do crime

3 JUL 2012Por VÂNYA SANTOS13h:15

Roberto Ramão Lopes, de 27 anos, foi preso em flagrante na manhã de ontem, depois de assassinar Toni Azir Maciel de Lima, de 31. O crime ocorreu por volta das 7h30min, na casa da vítima que fica na Rua João Manoel Cardinal, Jardim Universitário, em Ponta Porã.

A polícia não divulgou os meios empregados na morte de Toni, mas informou que a vítima apresentava ferimento na cabeça. Militares do Corpo de Bombeiros encaminharam o homem para o Hospital Regional da cidade, mas ele morreu antes de dar entrada na unidade.

Um vizinho ouviu uma discussão que acontecia na casa de Toni e resolveu ir até o imóvel, ocasião em que encontrou a vítima caída no quarto. Roberto permaneceu no local do crime, confessou ser autor do assassinato e ordenou que testemunhas chamassem a polícia ou ele mesmo “daria jeito no corpo”.  

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também