Campo Grande - MS, sexta, 17 de agosto de 2018

Bruno e Marrone

Após acidente de helicóptero, Marrone passa bem

3 MAI 2011Por OGLOBO.COM07h:36

Passa bem o cantor Marrone, da dupla sertaneja Bruno e Marrone, que caiu na tarde desta segunda-feira no Recinto de Exposições de São José do Rio Preto, a 451 km de São Paulo. O helicóptero sofreu uma pane e o piloto tentou um pouso forçado no local, mas bateu em uma caixa d'água e em uma árvore. 

A situação mais grave é a do produtor da dupla e primo do cantor, Jardel Alves Borges. Ele sofreu traumatismo craniano e cortes no abdômen e passou por cirurgia. Ele está na UTI. O piloto, Almir Carlos Ferreira, teve o pé amputado durante o acidente. Foi feita uma cirurgia de reimplante, mas sem sucesso.

Marrone chegou consciente ao hospital, com máscara de oxigênio, e foi submetido a um exame de ressonância magnética. O artista estava em um quarto do hospital. No entanto, para evitar tumulto, a equipe médica preferiu transferí-lo à UTI por ser uma área restrita.

O helicóptero havia acabado de decolar com destino a São Paulo. O helicóptero Esquilo 350, com capacidade para cinco pessoas, pertence ao próprio cantor e caiu por volta de 14h40m. O Recinto de Exposições fica próximo ao aeroporto da cidade.

O helicóptero vinha de Curitiba, no Paraná, e parou no aeroporto de São José do Rio Preto para abastecer e decolar novamente para São Paulo, onde o artista visitaria a filha recém-nascida Mell, e a mãe da criança, a professora de inglês, Natália Portes.

Segundo a assessoria da dupla, o empresário de Marrone, que estava em Goiânia, fretou um jatinho para viajar até São José do Rio Preto para acompanhar os desdobramentos do acidente e dar aos feridos a assistência necessária.
Segundo o site de Bruno e Marrone, eles farão shows quinta, em São Paulo, sexta, em Silva Jardim (RJ) e sábado, em Boa Esperança (ES), entre outros compromissos. O escritório não sabe informar se esta agenda poderá ser mantida.

Leia Também