quinta, 19 de julho de 2018

levantamento

Apesar de redução média de 11,38%, alguns produtos estão 46% mais caros

14 JAN 2011Por Edivaldo Bitencourt00h:00

O levantamento do Procon constatou redução média de 11,38% nos preços dos materiais escolares neste ano em relação ao mesmo período de 2010. Apesar de um caderno estar até 40% mais barato, outros produtos ficaram até 46% mais caros, comparando-se as pesquisas realizadas nos dias 11 de janeiro de 2011 e do ano passado.

A maior correção, de 46%, aconteceu no preço do caderno brochura pequeno 48/50 da Tilibra, de R$ 1,40 para R$ 2,05. Já o caderno capa dura com 10 matérias da Norma teve aumento de 43%, de R$ 6,20, em média, para R$ 8,89 neste ano. A borracha branca personagens teve correção de 20%, de R$ 1,05 para R$ 1,26.

A maior redução aconteceu no valor do caderno espiral com 10 matérias, 200 páginas, da Tilibra, que está custando R$ 7,68, 40% mais barato em relação aos R$ 12,95 cobrados em janeiro de 2010.

Uma das causas para a redução nos preços foi a aquisição em julho do ano passado do material escolar. As livrarias da Capital anteciparam as compras para o início do ano letivo, data comparada ao Natal dos demais comerciantes. (EB)

Leia Também