Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

Aparelho de hemodinâmica do HR aumenta em 80% a realização de cateterismo cardíaco

22 AGO 2010Por 13h:45
     A aquisição de um novo aparelho de hemodinâmica pelo Hospital Regional, com tecnologia mais avançada, possibilitou a realização de 800 exames de cateterismo cardíaco em apenas sete meses.  O número representa 80% do total de avaliações feitas no HR, que no último dia 19 completou a marca de 1 mil exames realizados.

O outro equipamento do hospital entrou em funcionamento no início da atual gestão da administração estadual e foi utilizado para realização de 200 procedimentos. De acordo com o médico cardiologista responsável pelo setor da Hemodinâmica do HR Augusto Daige o aparelho proporcionou aumento do número de pessoas beneficiadas. ?A aquisição nos permitiu atender os pacientes do HR e de outras cidades do Estado?. O exame é indicado aos pacientes que apresentam quadro de enfarto e angina.

O milésimo exame foi realizado em uma senhora de 67 anos hipertensa com teste ergométrico positivo. O exame apresentou coronárias com lesões discretas e segundo  Daige, que realizou o procedimento, o tratamento poderá ser feito com medicamentos.

O Hospital Regional é referenciado para os casos de gestação de alto risco, Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal e pediátrica; oncologia adulto e pediátrica, cirurgias cardio-vasculares e atendimento de pacientes críticos. A instituição também realiza cirurgias de revascularização miocárdica e exame neurológico entre outros procedimentos.

O governo estadual vai investir cerca de R$ 10 milhões para reforma e ampliação das alas de UTI neonatal, Pronto Socorro, hemodiálise, instalação do banco de leite e outras melhorias que devem ser concluídas até o final deste ano.

Procedimento

O cateterismo cardíaco é um procedimento invasivo em que é colocado um cateter - tubo maleável de pequena espessura e grande comprimento- em uma veia ou artéria que chegam até o coração para diagnóstico de problemas no órgão. Pode ser feito pelo braço direito, punhos ou virilha.

Quando há indicação é realizada a angioplastia coronária com implante de stent. O procedimento terapêutico, feito para desobstrução de artérias do coração, utiliza um cateter  envolvido por uma pequena mola de aço inoxidável entrelaçada denominada stent, com um pequeno balão na extremidade. O balão e o stent são colocados vazios no local onde existe o entupimento da artéria. O balão é inflado e preenchido com soro e solução de contraste. O stent também se abre, pressionando a obstrução contra a parede da artéria. Após o balão ser desinflado e retirado, o stent fica na posição permanentemente, mantendo a artéria aberta.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também