Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

Especial bairros

Aos 22 anos, Aero Rancho tem população maior que 67 municípios

29 MAI 2011Por EVELIN ARAUJO00h:02

 

Oficialmente inaugurado no dia 27 de maio de 1989, o Conjunto Aero Rancho completou na sexta-feira 22 anos com uma população equivalente a cidade de Coxim e com mais habitantes do que 67 municípios de Mato Grosso do Sul, como Miranda, Bonito, Aparecida do Taboado e São Gabriel do Oeste. Com ruas asfaltadas, creches, posto de saúde, caixas eletrônicos, lojas, farmácias e supermercados, os moradores se gabam do bairro e dizem que, com orgulho, muita coisa mudou desde o fim dos anos 80.

Na tarde do dia do aniversário do bairro, o Portal Correio do Estado conversou com moradores que, unânimes, não se lembravam do aniversário do bairro. Após a nossa equipe revelar o motivo pelo qual estava no bairro, os mais antigos conseguiram recordar. “Hoje é dia 27 de maio, é verdade”, diziam.

Orgulhosos da evolução que presenciaram em anos de luta por um lugar melhor, pessoas como a funcionária pública Benta de Almeida lembra as conquistas do bairro. “Em pouco mais de 20 anos, nós conseguimos o asfalto, coisa que o Jardim Aero Rancho, que existe há mais tempo que o Conjunto, não tem. As pessoas chamavam aqui de 'Aero Barro, Aero Poeira' e agora o nosso bairro é só exemplo, afirma a funcionária, que se mudou para o bairro pouco depois da inauguração.

“A casa era semi pronta e eu já mudei para cá divorciada e com os meus filhos”, diz Benta. Para completar a vida nova, ela ajudou a realizar festas juninas e do padroeiro para arrecadar dinheiro e é uma das fundadoras da igreja católica do bairro. “Nós fazíamos as missas em um terreno do setor 5, depois em um terreno do setor 6, até conseguir construir a igreja, fundada em 1991”, orgulha-se a moradora.

Ainda com alguns terrenos por construir, muitos deles com lixo e abandonados, as pessoas parecem não querer mostrar esse lado de onde vivem. Sempre que perguntadas, exaltam as qualidades do bairro. Uma delas é o proprietário de uma padaria na maior avenida do bairro, a Rachel de Queiroz. “Aqui não tinha asfalto, creche, não tinha posto de saúde e hoje temos até parque”, diz Virgilho Colman, de 52 anos, que se mudou para o bairro dois dias depois da inauguração.

O irmão de Virgilho, Ramão Colman, que é co-proprietário do comércio, mudou-se para o bairro há dois anos e conta que escolheu o lugar porque agora ele é mais seguro.
Com rede de esgotos, quatro escolas, cinco creches, posto policial , terminal de transportes e o Parque Ayrton Senna, os setores 5 e 6, que compreendem o Conjunto Aero Rancho, tem muito para comemorar. 

Neste domingo, o bairro não há de esquecer do seu aniversário, comemorado a partir das 8h na praça Pedro Rojas, na Rua Tokuey Nakao, setor 6. A praça do bairro terá um torneio de futebol com distribuição de brindes e pipas.

 

Quem conhece, quer ficar

Com os filhos brincando na calçada, a dona de casa Luciana Lopes de Araujo, mãe de crianças com 13, 11 e 3 anos, diz que desde os 11 mora no bairro. “Eu saí daqui, morei quatro anos mas voltei. A estrutura aqui é muito boa, tem posto de saúde, creche.”  

Leia Também