Segunda, 11 de Dezembro de 2017

ANTISSEMITA

Anelka será julgado por gesto

21 JAN 2014Por FOLHA PRESS14h:30

A FA (Federação Inglesa de Futebol) anunciou hoje que irá julgar o atacante francês Nicolas Anelka, 34, do West Bromwich, por um gesto considerado antissemita feito pelo jogador na comemoração de um dos seus dois gols no empate por 3 a 3 com o West Ham, no dia 28 de dezembro.

O centroavante tem até quinta-feira para apresentar sua defesa. Se for considerado culpado pela FA, será suspenso por no mínimo cinco partidas.

O centroavante criou polêmica ao festejar um gol fazendo a "Quenelle", gesto em que o braço direito é estendido para o chão, enquanto a mão esquerda fica apoiada sobre ele.

O gesto foi popularizado na França pelo comediante Dieudonné M'bala M'bala, famoso por fazer fortes piadas de judeus e que coleciona multas e processos por um discurso considerado antissemita.

O comportamento de Anelka fez a Zoopla, principal patrocinadora do West Bromwich, decidir encerrar o contrato com o clube na próxima temporada.

A empresa, uma imobiliária online, tem entre seus acionistas um empresário de origem judaica, Alex Chesterman, e chegou a solicitar que o ex-jogador do Chelsea e da seleção francesa não fosse mais escalado antes de cortar o apoio.
 

Leia Também