quarta, 18 de julho de 2018

AGENDA

André participa de assinatura de convênio entre BB e BRDE no Rubens Gil

6 DEZ 2010Por DA REDAÇÃO COM NOTÍCIAS MS08h:26

O governador André Puccinelli participa logo mais, às 10h, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, de uma solenidade de assinatura do convênio entre o Banco do Brasil e o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), que promete beneficiar pequenos e microempreendedores de vários setores da economia do Estado. Além do governador, participam o evento o diretor-presidente do BRDE, José Moraes Neto e o representante do Banco do Brasil, Paulo Roberto Lopes Ricci, que assinam o convênio.

O contrato que será firmado no Estado estabelece a viabilização de créditos que incentivam mini e pequenos produtores rurais e das micro e pequenas empresas que atuam nos setores agropecuário, industrial, agroindustrial, turístico, comercial e de serviços. Às 11 horas está programada uma coletiva para a imprensa.

Com o convênio, os investimentos serão repassados pelo Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) para que o Banco do Brasil, como banco administrador, repasse os recursos para que o BRDE seja a instituição operadora para execução dos programas de financiamento.

Segundo o coordenador do BRDE no Estado, Hélio de Paula e Silva, os maiores beneficiados com o convênio são os pequenos empreendedores que terão mais uma opção de crédito disponível para ampliar os negócios. “Investir nestes empresários significa um grande avanço para a economia de Mato Grosso do Sul”, avalia. Os financiamentos oferecidos através do BRDE são de longo prazo e com baixas taxas de juros.

O investimento é possível porque o Estado está inserido no Conselho de Desenvolvimento do Extremo Sul (Codesul) – que integra os três Estados da região sul e Mato Grosso do Sul. O conselho foi criado em 1961 através de um convênio entre os Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Em 1992, Mato Grosso do Sul passou a integrar o grupo.

Ainda no evento do BRDE, será divulgada oficialmente a autorização do Banco Central do Brasil para que o Banco de Desenvolvimento do Extremo Sul mantenha um escritório oficial de captação de negócios na Capital de Mato Grosso do Sul. “Esta autorização do Banco Central consolida a presença do BRDE no Estado”, observa o coordenador regional.

Atualmente o BRDE mantém um Espaço de Divulgação instalado na Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems) desde março de 2009. O local de atendimento foi implantado através de um acordo assinado entre o governador André Puccinelli e os três governadores dos Estados do sul.

De acordo com dados do Banco de Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul, apesar da operação do banco ser ainda recente no Estado, somente em 2009 o BRDE já liberou financiamentos de R$ 31 milhões. Neste ano deve contratar operações de empréstimos num volume superior a R$ 80 milhões.

BRDE

Em quase 50 anos de atuação, o banco já ofereceu financiamentos num volume total de R$ 65 bilhões neste período. Os investimentos beneficiam principalmente o setor do agronegócio, que se estrutura e se desenvolve de forma marcante nas regiões de atuação. O setor cooperativista, por exemplo, recebe os incentivos do BRDE para seu crescimento e industrialização.
 

Leia Também