Terça, 23 de Janeiro de 2018

André não vai afastar Giroto do comando da secretaria de Obras

5 DEZ 2008Por 22h:20
     

Maria Matheus e Lidiane Kober

 

O secretário estadual de Obras Públicas e Transportes, Edson Giroto, só será afastado do cargo se for considerado culpado pela Justiça. Enquanto não ocorrer uma decisão do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF/3), com sede em São Paulo, o governador André Puccinelli (PMDB) disse que vai mantê-lo em sua equipe. Giroto está sendo processado criminalmente por supostamente ter montado um flagrante falso de compra de votos para prejudicar o ex-deputado estadual Semy Ferraz (PT).

Leia Também