sexta, 20 de julho de 2018

cumprirá o mandato

André confirma que Giroto não fica no governo

1 DEZ 2010Por Fernanda Brigatti02h:50

O fiel escudeiro de André Puccinelli (PMDB), o deputado federal eleito Edson Giroto (PR), deixará a administração estadual e cumprirá o mandato para que foi eleito. O governador confirmou ontem que haverá apenas uma mudança no secretariado em seu segundo mandato. "Only one. Sólo una", disse, respondendo em inglês e espanhol.

Com isso, confirma também a manutenção do secretário de Estado de Habitação, Carlos Marun (PMDB), reeleito deputado estadual. A convocação de Marun resultará também na posse do primeiro suplente da coligação, o deputado estadual Rinaldo Modesto (PSDB). O segundo suplente, Youssif Domingos, atual líder do governo na Assembleia Legislativa, deve ser aproveitado na administração, segundo o governador.

Para o segundo escalão, André prevê um remanejamento no Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), que, segundo ele, não está funcionando a contento.

Posse
André Puccinelli participou ontem à tarde da posse da mais nova conselheira do Tribunal de Contas do Estado (TCE), a deputada estadual Celina Jallad. Diante de um plenário lotado, a primeira mulher a ser empossada na corte foi conduzida pelos conselheiros José Ancelmo dos Santos e Waldir Neves à cadeira que ocupará .

Em discurso, Celina agradeceu o apoio da família e a indicação do governador. "Me apresento com disposição para aprender e determinada a trabalhar infatigavelmente para contribuir em estreitar a colaboração com a Assembleia Legislativa, na fiscalização contábil e orçamentária", disse.

Leia Também