Terça, 23 de Janeiro de 2018

André chora em convenção do PMDB e chama PT para a guerra

13 DEZ 2009Por 08h:01
     

         

         

O governador André Puccinelli chorou ontem de novo durante evento público. Mas, desta vez contou com a solidariedade do deputado estadual Júnior Mochi que também chorou ao ouvir Puccinelli agradecer apoio que tem recebido da bancada estadual. Era mais um choro de tristeza do que de alegria, porque isto ocorreu numa convenção apática do partido, com uma platéia de pouco mais de cem pessoas, para a eleição do promotor de Justiça aposentado Esacheu Nascimento para presidente do diretório regional.

Depois do choro, Puccinelli passou a criticar o seu antecessor e pré-candidato petista ao Governo do Estado em 2010, José Orcírio dos Santos. Ao falar sobre o pleito eleitoral do próximo ano ele disse que "ideias serão discutidas, programas de Governo serão comparados e a conduta será muito importante", além disso fez questão de ressaltar que "nesses requisitos o PMDB terá muito o que mostrar".

Leia Também