Terça, 20 de Fevereiro de 2018

RALI DAKAR

André Azevedo, melhor brasileiro no segundo dia

3 JAN 2011Por ARLINDO FLORENTINO18h:12

André Azevedo, que forma dupla com o russo Maykel Justo manteve no segundo dia de especiais do Rali Dakar o melhor desempenho do Brasil. Ao lado do tcheco Mira Martinec o trio completou os 324 quilômetros em quarto lugar, mesma posição ocupada na classificação geral. A liderança da categoria agora está com Firdaus Kabirov/Aydar Belyaev/Andrey Mokeev, vencedores da etapa.

Os russos roubaram a posição dos compatriotas Vladimir Chagin/ Sergey Savostin/ Ildar Shaysultanov após a última parcial, recuperando cerca de cinco minutos de diferença. Ao cruzar a linha de chegada, o trio de Kabirov marcava 3h50min46, contra 3h57 de Chagin, que caiu para o quinto lugar na etapa e o terceiro no acumulado.

O segundo lugar ficou para os tchecos comandados por Ales Loprais, que cravaram 3h52min06 e ainda garantiram o vice na classificação geral, com apenas nove segundos de distância para os líderes.

Franz Echter/ Detlef Ruf/ Artur Klein assumiram a quinta melhor marca acumulada após cruzar a linha de chegada em San Miguel de Tucumán em terceiro. 3h55min55 foi o necessário para os alemães completarem o percurso.

Com 3h56min02s, André Azevedo guiou o Petrobras Lubrax para repetir o feito de ser o melhor brasileiro no maior rali do mundo. Com o resultado, o time ainda abocanha uma posição e é o quarto após duas etapas. Cerca de dez minutos separam o Tatra da primeira posição.

O terceiro dia de especiais reserva um trajeto exclusivo para os caminhões. O deslocamento até a província de San Miguel de Tucumán, Argentina, é de 408 quilômetros, enquanto o trecho cronometrado é 226.
 

Leia Também