sexta, 20 de julho de 2018

FIM DE ANO

ANAC estende operação especial até sexta-feira

4 JAN 2011Por INFOMONEY17h:50

A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) estendeu a operação especial de fim de ano até sexta-feira (7), nos aeroportos de Guarulhos (SP), Congonhas (SP), Galeão (RJ), Santos Dumont (SP) e Brasília (DF).

Os cinco aeroportos, juntos, representam quase 50% do movimento de passageiros no Brasil, atingindo 70 milhões de pessoas, e aproximadamente 95% das aeronaves das principais companhias aéreas passam por pelo menos um desses aeroportos todos os dias.

A operação começou dia 17 de dezembro do ano passado e deveria terminar na segunda-feira (3), mas foi estendida, devido ao grande fluxo de passageiros retornando das festas de fim de ano.

Dezembro
Em dezembro do ano passado, foram realizadas 80.400 decolagens de voos domésticos e internacionais, o que representa um aumento de 12,3 mil voos em relação a dezembro de 2009.

No entanto, os atrasos mantiveram-se praticamente estáveis, já que o índice de atrasos acima de 30 minutos evoluiu de 18,2% em 2009 para 21,1% em dezembro de 2010. Já os atrasos acima de 60 minutos ficaram em 8% no mês passado e o índice de cancelamentos, em 5%.

A expectativa é de que cerca de 14 milhões de pessoas tenham embarcado e dezembarcado nos aeroportos brasileiros em dezembro do ano passado, 1,5 milhão a mais que no mesmo mês de 2009.

Direitos
Em casos de atraso, cancelamento ou preterição, os passageiros têm direito a telefone ou internet disponível, alimentação adequada ao tempo de espera (no caso de atrasos acima de 2 horas) e acomodação em local adequado ou hospedagem e transporte do aeroporto ao local de acomodação (em caso de atrasos acima de 4 horas).

O passageiro que desistir da viagem por cancelamento ou atraso acima de 4 horas têm direito a reembolso integral do valor do bilhete, na mesma forma de pagamento. Além disso, as companhias devem informar os direitos dos passageiros e motivos de atraso, cancelamento ou preterição, inclusive por escrito.

De acordo com a Anac, a assistência ao passageiro deve ser prestada pela companhia aérea mesmo quando os atrasos e cancelamentos sejam causados por questões meteorológicas.

Se não receberem o atendimento devido, os passageiros podem registrar manifestações na Anac, 24 horas por dia, no telefone 0800 725 4445 ou no site www.anac.gov.br.
 

Leia Também