Quarta, 20 de Junho de 2018

Ampliação de licença maternidade será votada só em agosto

13 JUL 2010Por 06h:00
     

Na última semana, o Plenário do Senado fechou a pauta de votações do semestre com uma série de aprovações, na terça-feira (6) e quarta-feira (7). Os dois dias de votações, porém, não foram suficientes para esgotar a lista de matérias que havia sido pactuada pelos líderes.

Assim, na mesma ocasião, foi marcado um novo esforço concentrado após o recesso, nos dias 10 e 11 de agosto. Nesse período, o destaque deverá ser a votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da senadora Rosalba Ciarlini (DEM-RN) que estende a licença maternidade para 180 dias. A matéria chegou a ser aprovada em primeiro turno na última semana.

Também está na lista de prioridades para agosto a conclusão da tramitação da PEC que trata do quadro de servidores civis e militares dos ex-territórios federais do Amapá e de Roraima, além de uma série de projetos de lei.

Entre esses, está o Projeto de Lei da Câmara que reestrutura e moderniza o Sistema Brasileiro de Defesa da Concorrência (SBDC) e fortalece a atuação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Para que não sejam inviabilizadas as deliberações importantes do Senado devido ao período eleitoral, no mês de setembro também será realizado um "esforço concentrado", ainda sem data marcada.

 

(Fonte: Agência Senado)

Leia Também